Uncrowned: confira a capa oficial do primeiro álbum “Visceral Chakra”

Uncrowned - Logo Oficial

Em processo final de masterização do álbum de estreia, o Uncrowned, nome novo do cenário extremo do Metal Nacional, acaba de apresentar aos fãs a capa e título do primeiro registro da carreira.

“Visceral Chakra” é o início de uma saga sem dogmas pré-concebidos pela sociedade, a ideia central do Uncrowned, é apresentar ao público o terceiro Chakra (Manipura), que é responsável pela atitude e motivação da vida. As letras também irão expor uma visão satanista e hinduísta sobre a conduta do ser-humano em sociedade.

O novo álbum está previsto para ser liberado em todas as plataformas de Streaming e também em formato físico. “Visceral Chakra” conterá 09 faixas e várias participações especiais. O processo de produção e composição das músicas, ficou a cargo de Oscar Silva eAlexandre Carreiro, criadores de todo o conceito e elaboração temática do disco.

Uncrowned - capa

Mesclando raízes de Black e Death Metal, o Uncrowned, é formado por grandes nomes do cenário extremo carioca, e seu primeiro álbum é aguardado com ansiedade por fãs do estilo. O primeiro single oficial foi disponibilizado recentemente pela banda em seu canal oficial do YouTube. Confira abaixo a música “HOPE” que oficialmente apresenta ao mundo a banda Uncrowned:

Formação:
Flávio Gonçalves – (Vocal)
Oscar Silva – (Guitarra/Vocal)
Alexandre Carreiro – (Guitarra)
 
Links relacionados:

 

 

Anúncios

Feios Sujos e Malvados: após 02 anos de atraso, banda confirma lançamento do primeiro álbum “Tortura”

Feios Sujos e Malvados 02

O grupo Feios Sujos e Malvados no ano de 2016 gravou e produziu o primeiro álbum da carreira, intitulado de “Tortura”, o disco que seria lançado no mesmo ano, obteve inúmeros problemas alheios aos interesses do grupo e não foi disponibilizado oficialmente em nenhum formato possível.

Alguns poucos amigos e fãs do grupo que é originário de Marabá/PA, obteve o registro em forma digital e enviado diretamente pelos músicos da banda. Porém, agora em 2018, o Feios Sujos e Malvados, começam a retrabalhar o lançamento do álbum “Tortura”, após 02 anos de atraso. O disco que está pronto, será liberado primeiramente em todas as plataformas de Streaming do mundo. Usúarios de Spotify, Deezer, ITunes, Google Play, Amazon, Napster e outras plataformas, terão o disco em sua totalidade para apreciação.

Feios Sujos e Malvados - capa

“Tortura” possui 14 faixas que mesclam Hardcore com Crossover e Thrash Metal por uma das bandas mais importantes do estado do Pará. Em atividade desde 2013, o Feios Sujos e Malvados, esperam com esse disco, apresentar ao mundo toda sua energia e peso nas harmonias, com letras de críticas e apontamento das principais feridas sociais, como desigualdade, alienação, fome, miséria, violência e política.

Dentre os próximos dias será informado oficialmente a data de lançamentos e detalhes jamais revelados sobre o álbum “Tortura”. Os fãs mais ansiosos já podem aguardar que além de “Tortura, foi confirmado que o Feios Sujos e Malvados, já possuem um segundo disco, mas esse só será informado em um futuro muito breve.

Feios Sujos e Malvados é formado por:
Noriel Biscoito – (Vocal)
Geraldo Capilé – (Guitarra)
Mauro Cavera – (Baixo)
Henrique Aranha – (Bateria)
 
Links relacionados:

Falls of Silence: apontando o descuido com suicidas na música “Máscaras”

Falls Of Silence - 01

Enquanto o novo álbum do Falls of Silence não é liberado ao público, a banda que em seu atual momento, vive a melhor fase da carreira, vem comunicar o contexto da letra do primeiro single disponibilizado em formato de clipe oficial e em áudio nas principais plataformas de Streaming do mundo.

A música “Máscaras” que faz parte de um recomeço na história do Falls of Silence, possui uma ideia forte e que é pouco explorada na música. O Suicídio é o tema central da faixa e apresenta aos ouvintes como o ser-humano que está prestes a cometer esse ato, consegue enganar e se mascarar em atitudes simplórias que não levantam suspeitas, que muito em breve, o mesmo, irá atentar contra a própria vida.

Falls Of Silence

Tocando em uma ferida social, o Falls of Silence, busca com essa música alertar famílias, amigos e autoridades, que esse ato é uma falha grave e deve ser tratada como uma doença, e que temos que estar preparados para reconhecer os pequenos detalhes de quem tem a ideia de retirar a própria vida, oferecendo ajuda e apoio da sociedade e do seio familiar.

Assista ao clipe de “Máscaras”:

Em pouco mais de dois meses de seu lançamento oficial, o clipe da música “Máscaras” que teve como diretor Luringa e assistente Cadu Andrade, já obteve 12mil visualizações. Comprovando que o Falls of Silence é um dos grupos mais importantes do Death/Djent brasileiro.

Confira a música “Máscaras” pelo Spotify:

 

Falls Of Silence é formado por:
Marlon Alencar – (Vocal)
Leandro Lestat – (Guitarra)
Driu Menezes – (Guitarra)
Victor Oliveira – (Bateria)
Felipe Bomfim – (Baixo)
 
Links relacionados:

Terrorsphere: revela nome do novo álbum

Terrorsphere

Um dos nomes que mais cresce na cena do interior do Paraná, os pesos pesados do Death Metal, Terrorsphere, está com boa parte do processo de gravações e másters do primeiro disco bem adiantadas. Esse será o primeiro full da carreira da banda e para aguçar ainda mais a ansiedade dos fãs, o grupo oriundo de Londrina, acaba de revelar o nome desse aguardado novo álbum.

Intitulado de “Spiritual Holocaust”, o primeiro full oficial do Terrorsphere, terá todas as essências e influências da era mais pesada e brutal do Death Metal. A banda que em 2016 lançava seu EP de estreia “Blood Path” rapidamente recebeu inúmeras resenhas positivas e fomentando o próprio nome como um dos grupos mais viscerais da atualidade metálica brasileira.

Ainda sem uma data definida para o lançamento oficial, o Terrorsphere se prepara para uma série de novidades envoltas ao novo disco e informa que alguns merchandising e singles do novo álbum, em breve, estarão disponíveis aos fãs, assim como a capa e tracklist de “Spiritual Holocaust”.

Terrorphere é formado por:
Werner Lauer – (Vocal/Baixo)
Udo Lauer – (Guitarra)
Francisco Neves – (Guitarra)
Victor Oliveira – (Bateria)
 
Links relacionados:

Inner Call: ao lado do Destruction, HammerFall, Cradle of Filth e Death

innercallcompilationgringa

A banda baiana de Heavy Metal Inner Call tem a honra de participar de uma luxuosa compilation ao lado de “monstros” como: Destruction, HammerFall, Cradle of Filth e Death. Além das bandas citadas o Inner Call também divide sua participação com bandas brasileiras e de diversas partes do mundo.

Uma oportunidade impar de expandir seu poderio sonoro mundo afora já que a Imperative Music faz uma divulgação maciça para selos, distribuidores, festivais, promotores, rádios, magazines e webzines de todo o mundo.

Confira abaixo a relação de bandas desta compliation:
 
Alemanha: Destruction, The Rest of Us is Dead, Azurica, Black Daffodils  
Brasil: Inner Call, Dancing Falme, Fenri’s Scar, Dixie Heaven, Shadws Legacy, The Undead Manz, Tchandala, Norium, Apple Sin, Karyttah
Canadá: West of Hell, Saints of Death  
Costa Rica: Amethyst
Estados Unidos: Death, Blood of Angels Riotous indignation, Hanging Death
França: Hellzeimer, Devoid  
Inglaterra: Cradle Of Filth
Itália: Enzo and the Glory Ensemble, Totem and Taboo  
Japão: Alice in Hell, Marching Out, Rising Fall, Deathrol
Rússia: Gilead
Suécia: Hammerfall, Gone by Sundown, Decadence, Snow I.U. 
 
Contato para aquisição da compilation e do EP “Elementals” assim como merchandising:
 
+55 11 96072-0843 – Luiz

Mercy Killing: lançado vídeo clipe de “Splatterhead”

mercykillingclip

Após trinta anos de carreira, a banda brasileira de Thrash Metal Mercy Killing lança seu primeiro videoclipe em parceria com a diretora Melissa Giowanella. Unindo elementos do gênero Gore com o ritmo agressivo da banda, o clipe mostra através de sequências rápidas o recorte de uma verdadeira noite de horror.

O vídeo foi selecionado por alguns festivais de Cinema do Brasil e do Exterior, recebendo elogios do público a “benção maléfica” de Petrer Baiestorf, cineasta underground e um dos maiores entusiastas de podreiras e desgraceiras do gênero. Recentemente “Splatterhead” fora exibido em Curitiba na “Mostra Gurias” e Cuiabá no “Cinecaos”.

 “Are you ready to die?” :

 

Mercy Killing é formado por:
Tati Klingel – (Vocal)
Alexandre “Texa” Teixeira – (Guitarra)
Leonardo Barzi – (Baixo)
José Sepka – (Bateria)
 
Links relacionados: