Ossos: grupo releva nome e capa de single inédito que será lançado muito em breve

Ossos - 014

A banda Ossos atualmente se prepara para se apresentar ao lado do Brujeria, dia 17 de novembro em Caxias do Sul/RS. Além dessa apresentação que promete ser histórica na carreira do grupo, uma novidade acaba de ser informada para seus fãs e seguidores.

Após apresentar o título de seu novo álbum, “Contos do Necrotério”, é oficialmente comunicado que dentre os próximos dias, o primeiro single desse novo álbum será liberado para audição completa. A música “Cadáver”, já se encontra finalizada e a banda aguarda apenas alguns detalhes para revelar a data e aonde será disponibilizado o single inédito.

Confira a capa criada para o single de “Cadáver”:

ossos - cadaver

Formação:
Pezzi – Vocal
Tio Craitu – Guitarra
Guga – Guitarra
Grave – Baixo
Will Caveira – Bateria
 
Mais informações:

Bruma: banda soteropolitana de Hard, Folk, Rock lança single inédito

Bruma_11092019_stduio2_4574

A banda Bruma é oriunda da capital baiana, trazendo no seu som as combinações de timbres do Hard Rock, com influências do Blues e bases melódicas do Folk, que fazem uma parede de som repleta de acordes abertos somados a um vocal visceral.

A veia artística do grupo se baseia nas composições de personalidade lírica muito forte. As indagações mundanas que cercam a humanidade, os anseios e receios da vida, os romances e nuances que compõem a nossa história: tudo é visto como música aos olhos da banda e traduzido na verdade crua do Rock.

No final de 2018 lançou seu primeiro EP “Um Pouco Tarde Para Chegar Cedo”, disponível em todas as plataformas de música. Em 2019 a banda participou do Festival Palco do Rock (Salvador), e é nesse embalo que prepara um segundo semestre repleto de parcerias em Salvador e no interior.

Visualização da imagem

Ouça o disco:

 

A Bruma idealizadora e realizadora do “Festival Rock n’ Booze”, projeto que tem como objetivo movimentar a cena baiana e integrar bandas de diferentes cidades. Em 2019 o evento teve sua terceira edição, na cidade de Feira de Santana e a quarta edição em Salvador, no mês de setembro.

Bruma é formado por:
Kiko Albuquerque – Vocal/Baixo
Ciro Sarno – Guitarra/Vocal de Apoio
Enrique Araújo – Guitarra/Vocal de Apoio
Bispo Filho – Bateria
 
Assessoria de imprensa: rockfreeday@gmail.com
 
Mais informações:

Between the Buried and Me: grupo vem pela primeira vez ao Brasil em março de 2020

BTBM_foto

São Paulo, no dia 15/3, recebe o último show da extensa turnê latino-americana com 9 datas; banda norte-americana tocará dois sets numa mesma noite

A banda norte-americana Between the Buried and Me, mundialmente consagrada há duas décadas devido à inusitada mistura de Progressivo com elementos de diversas vertentes do Heavy Metal (do Rock ao Death Metal), além de jazz e até de música eletrônica, enfim anuncia a estreia no Brasil. Com show único dia 15 de março de 2020 em São Paulo, o Fabrique Club receberá a sexteto com sua turnê especial em que executam, numa mesma noite, dois diferentes sets. A realização é da Powerline.

Moderno, pesado, às vezes introspectivo, mas sempre extremamente virtuoso e criativo, o Between the Buried and Me nunca se repete e propõe uma viagem sonora a cada música, por meio de brilhantes e bem encaixados dualismos: da calmaria ao caos, da tensão à redenção, e da vagarosidade a velocidades incríveis – as mudanças rítmicas e compassos são constantes. Tem guitarras distorcidas, melodia, agressividade, mas tem guitarras limpas, dedilhados e sutis, uso constante de teclados, junto a vocais limpos e passagens com guturais.

Apresentar dois diferentes sets numa mesma noite pode soar excêntrico, mas não para uma banda como Between the Buried and Me, que sempre fugiu de padrões e abusou de experimentações e misturas ao longo dos 20 anos de história. Trata-se de uma ótima solução para, numa primeira vez no Brasil, tocar músicas de distintas fases da excepcional e diversificada discografia – são 10 discos de estúdio, três ao vivo e um EP (com 30 minutos de música!). As músicas são tocadas em ordem cronológica.

Conheça Between the Buried & Me:

 

Em entrevista a uma mídia europeia no começo deste ano, sobre a turnê mundial com dois sets, o baixista Dan Briggs explica que optar por uma apresentação mais extensa justamente neste momento da carreira é uma forma da banda explicar a própria evolução ao longo dos anos. “Às vezes, entender a dinâmica do Between the Buried and Me reside em respirar nova música e exalar material antigo”.

O baixista ainda assegura aos fãs que esta é a oportunidade experimentar a imersão sonora da banda: existe uma coesão ímpar na forma como constroem o repertório duplo com músicas de 2002 a 2019, em alusão ao primeiro disco, homônimo, e ao último lançamento “Automata II”, passando pelo conceitual e inspirado “Coma Ecliptic”, o monumental e cultuado “The Great Misdirect” e o intrincado “Alaska”.

Não resta dúvida de que uma apresentação ao vivo do Between the Buried and Me dia 15/3/2020 é, especialmente, para fãs de música complexa e reflexiva, feita por músicos talentosos e minuciosos. Um deleite para fãs de Dillinger Escape Plan, TesseracT, Opeth e Devin Townsend Project.

WhatsApp Image 2019-10-10 at 3.48.34 PM 1

Serviço:
Between the Buried and Me em São Paulo
Evento: https://www.facebook.com/events/1010476025966484/
Data: 15 de março de 2020
Horário: 18 horas (portas)
Local: Fabrique Club (rua Barra Funda, 1071 – Barra Funda, São Paulo/SP)
Ingresso: R$ 110,00 (1º Lote, meia promocional, mediante entrega de 1 quilo de alimento no dia do evento, e estudante)
Venda online: https://pixelticket.com.br/eventos/4500/between-the-buried-me
Venda física: Locomotiva Discos – sem taxa, somente em dinheiro (rua Barão de Itapetininga, 37 – SP/SP)
Classificação etária: 16 anos

Basttardos: lançado o novo álbum “Nós Somos O Bando”

basttardos

O Basttardos lançou, no dia 18 de Outubro de 2019, seu mais recente álbum intitulado “Nós Somos O Bando”. Produzido por Alex Campos – também autor de todas as canções -, o disco foi gravado, mixado e masterizado no estúdio “Fil Buc Productions”, Rio de Janeiro. Quem assina a capa é Aurélio Lara.

O trabalho ainda conta com as Participações Especiais de Breno & Theo Campos, filhos de Alex Campos; além do guitarrista Luciano Granja, conhecido músico no cenário nacional por integrar diversos grupos de sucesso, entre eles, os Engenheiros do Hawaii.

Em Setembro deste ano, foi divulgado como prévia o lyric video do single “Livrai-nos do Mal”, que pode ser visto através deste link:

Sucessor do disco “O Último Expresso”, de 2015, “Nós Somos O Bando” é o terceiro registro de estúdio do “Basttardos”, e faz parte de uma trilogia, iniciada em 2013 pelo debut “Dois Contra O Mundo”. O álbum já está disponível em CD Físico e nas plataformas digitais.

Tracklist:
01 – Nós Somos O Bando
02 – Livrai-nos do Mal Part. Breno & Theo Campos
03 – O Coveiro
04 – Ela é Junkie
05 – Fuck Off!
06 – Silêncio Após A Morte Part. Luciano Granja
07 – Homem do Campo

 

Ouça Nós Somos o Bando via Spotify: 

 

Mais informações:
+55 21 99202-1922 (Whatsapp)

 

Montanee: grupo lança intenso clipe “Weak Like a Needle”

Montanee_Crédito Artur Medina_Rafael Hansen

Faixa integrará o primeiro EP da banda carioca

Após chamar atenção com as intensas “Burning Man” e “Keep Falling”, a banda Montanee entrega mais um gostinho de seu EP de estreia com o single e clipe “Weak Like a Needle”. Ao contrário do que o nome sugere, a faixa entrega a potência do quarteto carioca em uma performance pesada. A canção está disponível para streaming e o clipe já está no canal de YouTube oficial do grupo.

Assista a “Weak Like a Needle”:

Ouça “Weak Like a Needle”:

http://smarturl.it/WeakLikeANeedle

A Montanee traz em seu DNA vertentes do Rock Alternativo com tons de Indie, Stoner e Post-Punk revival. Enquanto os primeiros singles revelados potencializavam essas influências, o novo clipe foca na força da presença de palco dos músicos, com uma câmera nervosa acompanhando cada acorde e batida em movimentos que simulam a energia do público nos shows. Pela primeira vez, a banda foge à estética do preto e branco estabelecido nos vídeos anteriores para se entregar às cores de “Weak Like a Needle”.

“O clipe é um exemplo visual de como é tocar e ouvir essa música, a câmera e o público pulsando junto. ‘Weak Like A Needle’ é, simplesmente, rock n’ roll”, avalia o baterista Teo Kligerman. Além dele, completam a banda Felipe Areias (vocal e guitarra), Raphael Cardoso (baixo) e Pedro Domicio (guitarra).

O grupo retornou recentemente de uma mini turnê americana, onde apresentou versões minimalistas para suas canções com shows pela costa oeste dos EUA. Agora, a Montanee foca em concluir seu primeiro EP, a ser lançado em breve, e outras surpresas para o público.

Assista a “Burning Man”:

Assista a “Keep Falling”:

Ficha técnica vídeo:
Direção e Edição: Felipe Areias
Direção de Fotografia: João Rocha e Artur Medina
Produção: Anna Maués e Felipe Areias
Assistente de Produção: Lucas Cardoso
Tratamento de Cor: Pedro Erthal
 
Música:
Felipe Areias – Voz e Guitarra
Raphael Cardoso – Baixo
Teo Kligerman – Bateria e Voz
Pedro Domicio – Guitarra
Gravado por – Raphael Stolnicki, Alexandre Griva, Pedro Domicio e Diogo Panico
Mixado e Masterizado por – Raphael Stolnicki
 
Mais informações:

Dogma Blue: grupo lança lyric vídeo da faixa “Quietus”

Dogma Blue 10

Após o lançamento de seu primeiro EP “Quietus”, o Dogma Blue, apresenta o lyric vídeo da música que carrega o nome do disco.

A obra visual foi elaborada por Marcelo Silva e Rômulo Dias, dois artistas que estão se destacando por trabalhos incríveis e autênticos. A ideia central do Lyric de “Quietus”, é apresentar ao público, o ambiente da capa do disco, onde os planos de fundo vão se alternando e criando uma atmosfera impactante.

O vídeo acaba de ser liberado no canal do Dogma Blue e você confere acessando o link abaixo:

Formação:
Marcelo Paes – Vocal
Tales Ribeiro – Guitarra
Rodrigo Kolb – Guitarra
Roberto Greboggy – Baixo
André Prevedello – Bateria
 
Mais informações:

Darkhaos: saiba o conceito que está por trás da canção “Shouting at Your Grave”

Darkhaos

“Shouting at Your Grave” foi o primeiro single lançado pela cearense Darkhaos em fevereiro de 2019, promovendo do EP de mesmo nome que será lançado até o final deste semestre.

A música reúne influências dos músicos em um misto de Heavy Metal tradicional, Thrash Metal e Hardcore. A letra composta pelo baixista Eriel Andrade é um relata uma situação sobrenatural, como conta o músico:

“’Shouting at Your grave’ é uma música que narra a história de um cara que é perseguido por um demônio, não adianta o quanto ele corra, o demônio o alcança e o devora, e neste momento sua vida passa diante de seus olhos, ele relembra de todos os seus medos, suas dores, seus sonhos, de todos que amou, o demônio vê as mesmas coisas enquanto o homem dá o último suspiro, então, o ser começa a gritar em cima do túmulo da vítima, pois está livre para levar o caos. É essa a narração que eu vejo, mas de forma geral, é uma representação de poder gritar em liberdade, se libertando de seus medos, escolhendo o rumo da sua história com determinação e dando asas à uma melodia nova que você ainda não conhece em você mesmo, mas que irá surgir”.

Visualização da imagem

O próximo encontro do grupo completado por Macedo “Darkness” (vocal), Erickson Oliveira (guitara), e Kallil van Derick (bateria) com o público está marcado para o dia 22 de dezembro, no Praxedes Bar em Fortaleza, para tocar com as bandas Void Tripper, Hellhoundz e Echoes Of Death.

Confira o videoáudio da música:

Inclua a Darkhaos em sua play list:
E em muitas outras
 
Links relacionados:
 
Shows:
(85) 9 9690.7536
 
Assessoria Brauna Music Press: