Inanimalia: grupo relança o EP “A Message” em todas as plataformas digitais pelo selo Roadie Metal

Inanimalia - Capa

O primeiro material de estúdio do Inanimalia, foi lançado oficialmente em todas as plataformas digitais no ano de 2016. Após uma conversa objetiva com o selo digital da Roadie Metal, o grupo relança “A Message” em todas as plataformas com os cuidados da RM.

Esse relançamento visa engajar com mais afinco o interesse do público fã de Death/Groove Metal. O selo permite a ingressão de suas faixas em playlists oficiais do Spotify e um direcionamento mais eficaz ao público alvo.

Contando com três faixas, “A Message” é o primeiro material de estúdio oficialmente gravado e lançado pela banda. Atualmente o grupo de Ribeirão Preto está em fase final das gravações de seu novo álbum e, muito em breve, irá comunicar oficialmente informações pertinentes sobre o primeiro full da carreira.

Confira “A Message” relançado pelo selo Roadie Metal:

 

Tracklist:
01 – Messenger
02 – Spectre of a Human Mind
03 – The Strain

Inanimalia é formado por:
Alessandra Lodoli – (Vocal)
Rafael Cazuza – (Guitarra)
Thales Carosia – (Baixo)
Vagner Venâncio – (Bateria)

Mais informações:
Facebook: https://www.facebook.com/inanimalia/
Instagram: https://www.instagram.com/inanimalia_official/
YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCQFvodF6lAxpbAl8h0WcsJw
Roadie Metal press: http://roadie-metal.com/press/inanimalia/

 

Anúncios

Heretic: banda relança álbum “The Pessimist” em todas as plataformas de streaming pelo selo digital Roadie Metal

Heretic

O segundo álbum de estúdio do projeto Heretic, “The Pessimist”, acaba de ser relançado em todas as plataformas de streaming, através do selo digital da Roadie Metal.

O trabalho capitaneado pelo guitarrista goiano, Guilherme Leal de Aguiar, apresenta ao público, uma obra instrumental que mescla nuances de Death Metal e instrumentos orientais e gregos nas harmonias.

A obra “The Pessimist” é um trabalho inteligente e sagaz, sendo capaz de entreter até mesmo aqueles que não são adeptos a música instrumental, tudo isso, devido ao trabalho profuso e orgânico de toda elaboração criado por Guilherme na construção de cada arranjo presente do disco.

Confira nas plataformas abaixo:
 
Tracks:
01 – Nameless Magick
02 – Arak
03 –  Sitar Bomb
04 – The Pessimist
05 – Act V
06 – Interlude
07 – Ouzakia
08 – Ras Divine Light
09 – Dead Language
10 – Genesis
11 – Caravans to Ur
 
O Heretic é formado por:
Erich Martins – (Vocal)
Guilherme Aguiar – (Guitarra)
Laysson Mesquita – (Baixo)
 
Mais informações:
 
 
 

Headhunter DC: edição especial de “Punishment at Dawn” e split são lançados no Brasil

headhunter

O segundo álbum da Headhunter DC, “Punishment at Dawn” (1993), completou 25 anos em 2018 e, para celebrar este aniversário, a Mutilation Records e Cogumelo Records resolveram relançar esta obra em versão deluxe, com adição de mais materiais.

Trata-se de um lançamento à altura da importância e relevância que o álbum tem para a cena Death Metal sul-americana e, por que não dizer, mundial? Por isso estou muito contente e satisfeito em ver essa edição de 25° aniversário finalmente lançada e disponível aos fãs”, anima-se Sérgio Baloff, vocalista.

Um projeto como este abraçou o primeiro álbum, “Born…Suffer…Die” (1991), quando alcançou a mesma marca em 2016, resultando em uma ótima experiência que gerou expectativa para este segundo momento.

“A poderosa parceria entre a Mutilation e a Cogumelo Records mais uma vez gerou algo de muita qualidade e que certamente agradará os fãs e admiradores da banda, sejam das mais antigas ou das mais novas gerações de seguidores da morte total em forma de música extrema!”, defende.

Apesar de “Punishment at Dawn” ter surgido em uma época em que o underground se entrelaçava mais ao “subsolo”, enquanto que a indústria musical observava mais a cena grunge e seus derivados ditados pela MTV, os músicos da Headhunter DC. mantiveram o pé firme no Death Metal clássico e, hoje, 25 anos depois, a mesma proposta corre inabalável em suas veias.

Temos muito orgulho em termos lançado ‘Punishment at Dawn’ numa época em que o Death Metal já estava começando a ficar desacreditado pelos modistas aqui no Brasil, assim como em testemunharmos que, após 25 anos de seu lançamento, ainda trata-se de um álbum de referência em se tratando de metal da morte brasileiro perante o mundo, portanto, encorajo a todos a adquirirem essa edição mais do que especial do álbum e terem em mãos um pedaço da história do metal extremo feito do lado de cá do planeta”, convida.

O relançamento de “Punishment at Dawn”, vem em formato digipack, com CD remasterizado e DVD bônus contendo um show gravado em 1994, na Concha Acústica de Salvador/BA, e uma entrevista ao programa Vídeo Jovem, que era transmitido em rede aberta pela Bahia. Além disso, o material traz uma galeria de imagens de momentos importantes da banda, como fotos promocionais, fotos de arquivo pessoal, reportagens e cartazes.

Paralelo ao relançamento da Mutilation e Cogumelo, sai também em 2019, “Anthems of Blood, Fire & Death – A Brazilian Tribute to Bathory” da Misanthropic Records, com as bandas Posthumous (trazendo uma versão para “Reaper”) e Tripalium (tributando em “Raise the Dead”), dividindo o 3 way split 7’’ com Headhunter DC ao lado A do vinil, com “Total Destruction/Reap of Evil (epilogue)”.

Ambos os lançamentos servem para, além de amenizar um pouco a demora no lançamento de nosso novo álbum, também mostrar que nos mantemos mais do que ativos e lançando materiais em nossa discografia”, explica e encerra Baloff.

Headhunter D.C. é formada por:
Sérgio “Baloff” Borges – (Vocal)
George Lessa – (Guitarra)
Tony Assis – (Guitarra)
Zulbert Buery – (Baixo)
Daniel Brandão – (Bateria)
 
Acompanhe a banda pelo streaming:
Spotify:
Deezer:
Napster:
Google Play:
Amazon Music:
 
Mais informações:
 
Assessoria Brauna Music Press:

Panic: WYLN anuncia relançamento do clássico “Rotten Church”

Capa Panic

Um dos grandes álbuns da história do Thrash Metal, que foi lançado em 1987, e que, com certeza, foi inspiração para muitas bandas no Brasil e no mundo, será relançado pelo selo norte-americano WYLN. Trata-se do cultuado “Rotten Church”, primeiro trabalho da banda gaúcha Panic.

Esta reedição sairá nos formatos: LP, CD e Cassete e também nas principais plataformas digitais. A previsão é que tudo esteja pronto no início do verão norte-americano.

“Rotten Church” tem 8 músicas do mais puro e raivoso Thrash Metal e causou um forte impacto quando foi lançado pela gravadora Woodstock Discos. Ele teve um relançamento em formato CD no Brasil em 2008, pela Marquee Records. A banda tem ainda em sua discografia, os álbuns “Best Before End” (1992) e “Boiling Point” (1996), ambos pela Cogumelo Records.

Track List:
01. Seeds Of Hate
02. Satan Shall Return
03. God’s Death
04. Empire Of Violence
05. Rotten Church
06. Mutilaltor Of Bodies
07. Fuck or Die
08. Megaforce
 
Mais informações:
whatsApp: 5551 8628-8262

 

 

Tenebrario: relança o clássico álbum ‘Second Act: Pain’

Tenebrario

A lendária banda paulistana de Heavy/Doom Tenebrario, acaba de disponibilizar o relançamento de seu segundo álbum, o aclamado “Second Act: Pain” originalmente lançado em 2006 de forma independente e com uma tiragem limitadíssima em torno de 100 cópias promocionais. Dez anos após o lançamento, o disco ganha uma versão oficial graças à parceria com a gravadora Erinnys Productions.

O relançamento de “Second Act: Pain” dispõe de 12 faixas, sendo dez delas da prensagem original, mantendo a essência nos mínimos detalhes e como bônus conta com a clássica demo “Tenebrario” lançada no ano de 1997, com a produção de Cassio Martins no Pró Studio e Marcelo Pompeu (Korzus) no Mr. Som Studio, respectivamente.  Vale ressaltar que todas as faixas se mantem fiéis à gravação da época, tornando – se assim um item indispensável para todos os headbangers.

Tenebrario - Second act Pain 2006

Tracklist:
1. Second Act : Pain
2. The Thousand Faces in the Mirror
3. There Are Somethings That Never
4. God Symphony
5. Twins Soul’s
6. The Other Mountain Dweller
7. The Evil Heart of Stone
8. Sacred Mask
9. Again on the Road
10. O Meu Ser (Uma Imagem no Espelho)
 
Bonus:
11. Wickedness on Eyes My Dreams
12. Spirits Obscure Forest
 
Na época do lançamento deste material a banda realizou diversos shows chegando a abrir para o ex-vocalista do Rainbow, Joe Lynn Turner. A capa do disco foi desenvolvida pela Ordo Ab Chaos (ordoart.com). No período, a formação era composta por Alexdog (Baixo/vocal), Roberto Bressan (Guitarra), Claudio Screpetz (Bateria) e Eduardo Borrego (Guitarra).
 
O disco está disponível para aquisição por meio do Facebook da banda e da Erinnys Productions. Para as distribuidoras interessadas em trocas (www.facebook.com/erinnysprod/).
 
 
Formação:
Alexdog (Baixo/vocal)
Eduardo Borrego (Guitarra)
Kaue Assis (Guitarra)
Waine Assis (Bateria)
 
Links relacionados:
 

OverDose: relança “Século XX” em nova edição em CD/DVD

overdose-750x400

A nova edição de “Século XX”, o primeiro trabalho da lendária banda mineira OverDose, já está disponível na loja da Cogumelo Records. “Século XX” foi relançado em formato CD, acompanhado por um DVD com material bônus.

O digipack de “Século XX” custa 40 reais (mais o valor do envio) e pode ser adquirido na loja da Cogumelo Records ou acessando o link https://cogumelorecords.loja2.com.br/8066089-CD-Overdose-Seculo-XX-DVD-?keep_adding

“Século XX” foi originalmente lançado em 1985, no histórico Slip LP com o Sepultura, “Bestial Devastation / Século XX”.

Século XX

Tracklist: CD “Século XX”
Anjos Do Apocalipse
Filhos Do Mundo
Século XX
Children Of War
Peace
Nuclear Winter
Forca Crescente
 
DVD: Live At Ginástico 1986 
Introdução do Vídeo
Introdução do Show
Deus Salve o Metal (Instrumental)
Mensageiros da Morte
Salvem os Corações
Anjos do Apocalipse
Quo Vadis
Crianças Guerreiras
Século XX
Filho do Mundo
Solo de Guitarra
Solo de Bateria
Última Estrela
Rebelião (Ensaio)

Considerada uma das bandas mais antigas e consagradas do cenário brasileiro, Overdose surgiu em 1983, e no mesmo ano, lançaram a demo “Última Estrela”. Dois anos depois, sai  o split “Bestial Devastation / Século XX”, pela Cogumelo Records, ao lado de seus conterrâneos do Sepultura.

Após alguns anos em hiato, o Overdose anunciou o seu retorno definitivo à ativa, contando com três integrantes originais, Cláudio David, Pedro Amorim “Bozó”, além do guitarrista Sérgio Cichovicz (1992-2002, 2008), e os novos membros: Bernardo Gosaric (baixo) e Heitor Silva (Bateria). O primeiro show ocorreu em fevereiro, no “Bloco dos Camisas Pretas” – o maior evento gratuito e beneficente de Rock/Metal de Minas Gerais, que ocorre em Belo Horizonte (MG) desde 2013. Neste show, a banda contou com a participação do Hélio Eduardo (primeiro baterista) e do baixista original Fernando Pazzini.

Overdose é formada atualmente por:
Pedro Amorim “Bozó” – Vocal
Cláudio David – Guitarra
Sérgio Cichovicz – Guitarra
Bernardo Gosaric – Baixo
Heitor Silva – Bateria
 
Links relacionados:

Morcrof: relança demo emblemática “peragere humum et semem terrai abditae”

Morcrof 1

Após a excelente repercussão dos relançamentos das demos, “A Future Not So Far” e “scientia ab mortuus” relançadas no fim do ano passado, os paulistanos do Dark Metal Morcrof já iniciam o ano de 2018 com o relançamento da demo “peragere humum et semem terrai abditae” e que é considerada emblemática pela banda.

O registro foi lançado originalmente em 1999 no formato de cassete e, agora, disponível em cardboard sleeve, encarte mídia pro. Gravado em meio a turbulências mas que levaria a Morcrof a consolidar seu nome abrindo caminho para os lançamentos dos álbuns Apeiron e “Machshevet Habriá”. Ficaram de fora da demo 3 sons que, posteriormente foram regravadas com Feralis na bateria e divulgados na DT “Alesh” no ano de 2001.

No período, a formação era composta por Ludwick Schölzel (vocal), Naitsirch Chironomous Bontus (teclados), R’Bressan (guitarra), Pétros Nilo (guitarra) e Paullus Moura (contra baixo / bateria / b. vocal).

MORCORF perarege humum et semem terrai abditae

Tracklist:
01 – Intro – Inustus
02 – Errante
03 – The Judgment of Demigod (pt.I)
04 – From Origin to Dued Cold
05 – Empírico
06 – The Judgment of Demigod (pt.III)
07 – The Semen of Dead God
 
Ouça a demo “peragere humum et semem terrai abditae” na íntegra:
 
Quem tiver interesse em adquirir o material físico, basta entrar em contato por meio do Facebook da banda; distribuidoras interessadas em trocas contatem a Erinnys Productions – http://www.facebook.com/erinnysprod/.
 
 
Links relacionados: