Corona Nimbus: grupo lança clipe de live session e concorre em semifinal do concurso “EDP Live Bands”

O vídeo é uma nova live session de ensaio com inserts de shows em festivais ao longo da trajetória da banda  

A banda de Stoner Metal Corona Nimbus, acaba de lançar um novo vídeo de live session com imagens de ensaio e inserts de shows em festivais ao longo da sua trajetória. O grupo lança o projeto como uma forma de agradecimento a todos que os acompanham e que votaram para levar a banda à semifinal do concurso “EDP Live Bands”.

O Corona Nimbus (única representante do Piauí) é semifinalista do concurso EDP Live Bands no qual o vencedor além de fechar contrato com a Sony Music Brasil vai subir ao palco para apresentar-se em um dos maiores festivais da Europa, o “Nos Alive” em Lisboa, Portugal!

Para chegarem à etapa final numa apresentação ao vivo em São Paulo a banda precisa do maior número de votos possível.

Acesse o link a seguir para votar:
https://edplivebands.edp.com/brasil/banda/corona-nimbus

Confira a live session de “Path To Self”:

Mais informações:
Facebook: https://www.facebook.com/coronanimbus/
Instagram: http://www.instagram.com/coronanimbus

Elephantus: duo assina com selo e anuncia lançamento de single

elephantus

Duo lança material via Electric Funeral Records

Elephantus é um Duo de Stoner/Doom formado em Outubro de 2019 na cidade de Blumenau/SC, por Marcelo Maus (Guitarra/Vocal) e Andrei Mamede (Bateria).
 
O som da banda carrega, além do tradicional peso e riffs sabáticos, uma identidade que remete aos ritmos e timbres de culturas orientais e da cultura brasileira. As principais influências são Black Sabbath, Sepultura, Om, Zé Ramalho, Muñoz e Cassandra.
 
Elephantus acaba de assinar com o selo Electric Funeral Records para o lançamento de um novo single e EP.
 
O single “No Rastro da Serpente” é uma das 4 faixas que compõem o EP de estreia do duo. A letra fala sobre o lado espiritual, da alma, mas também reflete como enxergamos, enquanto sociedade, a relação com o trabalho e a vida em geral. Quem já ouviu esse som diz que percebe uma influência de culturas do Nordeste brasileiro. Uma curiosidade é que as 4 faixas, que formam essa primeira fase da banda e o EP, foram compostas, do zero, no período de apenas um mês para podermos estrear nos palcos.
 
O novo single tem previsão de lançamento no dia 29 de maio em todas as plataformas de streaming.
 
Mais informações:

Mars Addict: grupo lança o tão aguardado disco e se destaca como um dos principais nomes da cena Pop Punk nacional

download

Banda acaba de lançar seu primeiro álbum pelo selo Electric Funeral Records

A banda paulista de Pop Punk/Punk Rock Mars Addict acaba de lançar seu primeiro álbum, “Lamecoaster”, pelo selo Electric Funeral Records.

A personalidade demonstrada no disco não é casual. O repertório vem sendo lapidado e apresentado desde o início da banda, que sempre priorizou as composições próprias, feitas pelos guitarristas e vocalistas Daniel Capanga e Drix Barsali, arranjadas com ajuda do baixista Rolf Amaro e baterista Rodrigo Araújo. São dez faixas que, em pouco mais de meia hora, vão do ritmo de baile dos anos 60, como em “Scared 2” e “Snowboarding With My Dealer”, ao hardcore “One Heartbeat”, um hino pró-união e tolerância em tempos em que o preconceito praticamente vira política governamental. O peso também aparece na trilha sonora do apocalipse zumbi “Chainsaw Hedgemaze Mayhem”, inspirada no jogo de Super Nintendo Zombies Ate My Neighbors. Ainda há espaço para os sentimentos, seja saudade da escola (“Back to School”), saudades dos que já se foram (“In My Head”), o amor quando está no auge (“Chibi” e “Not Your Song”) e quando está no fim, como na faixa-título e na já clássica “I’m Not Ok”.

A diferença de ritmos e temas faz com que as músicas se complementem e protejam o ouvinte do tédio. O disco foi gravado em São Paulo ao longo dos anos de 2018 e 2019, no estúdio Dual Noise. A produção é da própria banda, a mixagem e masterização foram feitas por Rogerio Wecko. A arte da capa foi feita em parceria por Gavisaurio e Drix Barsali.

Em “Lamecoaster” transparecem os dois pilares em que a banda se apoia: a intensidade de bandas Punk como Ramones, Rancid, Green Day, Teenage Bottle Rocket, Queers, Inocentes, Flicts e a melodia de bandas da origem do Rock’n’Roll, como The Beatles e Rolling Stones. Formada por ex-integrantes do Capones, Situation Nine, Zeferina Bomba, Motel California entre outras, a banda traz Pop Punk ao cenário do Rock nacional, com letras que falam das perturbações mentais que nos assombram no dia a dia.

Confira “Lamecoaster”: https://bit.ly/2RxiSIp

Visualização da imagem

Mais informações:
Phone: +55 21 996292220

Explain Away: grupo lança disco maduro e com melodia impactante

explay

Banda lança material via Electric Funeral Records

Trio formado em 2014, mistura Punk, Grunge e Alternativo dos anos 90 com uma pegada própria e visceral. Letras realistas e reflexivas sobre as consequências do nada fácil cotidiano das grandes cidades e saúde mental, com um instrumental agressivo que correspondem aos temas tratados.
 
A banda acaba de lançar o disco de estúdio intitulado, “Collective Loneliness” em todas as plataformas de streaming via Electric Funeral Records. Contendo 9 faixas que demonstram isso do começo ao fim, e apresentações potentes e altas, resgatam o espírito do bom e velho underground independente com uma equação diferenciada de boas referências em cada acorde.
 
O álbum “Collective Loneliness”, apresenta um amadurecimento da banda e busca trazer questionamentos e reflexões sobre as consequências que a vida conturbada da cidade nos traz.  As metáforas carregam mensagens sobre ansiedade, pânico, desilusão, perda, estereótipos venenosos e uma soma de fatores urbanos que resultam em questionamentos sobre autoestima, sociedade e saúde mental. 

explay.al waypng

A primeira faixa do álbum, de nome homólogo da banda, já introduz à temática proposta seja na música ou na composição. Faixas como “Lack e End of the Line”, captam bem como a banda consegue mesclar todos os estilos que os influenciaram. Já “Empty Colors”, evidencia o melhor de cada componente da banda numa melodia impactante.
 
Confira “Collective Loneliness”:
 
Mais informações:
Phone: +55 21 996292220

The Velociraptors: grupo lança novo disco com influência setentista

veloceraptors

Power trio lança material via Dinamite Records
 
A Dinamite Records e o The Velociraptors anunciam o lançamento do novo álbum da banda, “Road to Shangri-La”, em todas as plataformas de streaming.
 
O novo disco trás um Punk Rock regado a Proto-Punk e Power Pop, vindo direto dos porões jurássicos e envenenado com uma fúria dançante e selvagem já característica da banda, com uma pitada de distorção fervente derretendo os falantes, bebendo da fonte de bandas como Hellacopters, Stooges, MC5, New York Dolls e outras pérolas, mas mantendo sempre a sonoridade já clássica da conhecida banda de Mossoró. 
 
O novo disco é o primeiro full álbum da banda em 6 anos,  precedido pelos singles de “Nightmare” e “All Night Long”, ambos presentes no novo disco.  Com muita melodia, guitarras distorcidas e aquele perigo que desapareceu do Rock’n’Roll, o álbum é uma viagem de volta a Nova York dos anos 70 e praticamente uma declaração de amor ao Rock inconsequente e despretensioso.
 
Confira “Road to Shangri-La”: 

 

The Velociraptors é uma banda de Proto-Punk/Power Pop iniciada em 2008 em Mossoró, RN e atualmente é formada por Philipe Oliveira (guitarra e voz), Renato Misfit (baixo) e Gil Marinho (bateria). Além do novo álbum, a banda também lançou os EPs “Wild Ambitions” (2010), Primitive Sessions (2014), além do álbum A New State of Mind (2012).

Links relacionados:

Chaotic System: a incansável máquina carioca de Crust lança full lenght

Chaotic System

Duo apresenta um som visceral e de técnica impecável

Depois do lançamento dos aclamados EPs “Baixada Morta” (2018), “Help Brasil” e “Human Decay” (ambos de 2019), a incansável máquina carioca de Crust Chaotic System lança seu primeiro “full lenght”, o álbum “Rise” em todas as plataformas de streaming via Electric Funeral Records.

Criado na cidade de Duque de Caxias/RJ, a banda sempre tendo a frente seu fundador, o guitarrista/vocalista Magno Vieira, e após várias formações conta agora com a presença de Eduardo Martins (baixo/vocais, ex-Vox Mortem) no line up.

Os integrantes já adiantam: a proposta segue a mesma, som bruto indicado a fãs de Extreme Noise Terror, Disrupt, Napalm Death. O baixista/vocalista Eduardo “Dudu” Martins alerta: “quem acompanha a gente vai perceber que terão alguns elementos diferentes porém eles estão sempre a serviço da agressão sonora”. O que não há de surpresas são as letras contundentes recheadas de crítica político/social contra o sistema.

O disco contém 14 faixas entre inéditas e regravações de músicas presentes nas primeiras demos no início da carreira do Chaotic System. Segundo Magno Vieira, guitarrista/vocalista e fundador do grupo, “já era hora daquelas faixas receberem o tratamento correto. Seria injusto deixá-las no passado sem uma produção bacana. Agora elas estão do jeito certo”.

A banda segue a parceria dos EPS anteriores, já que o disco foi gravado no mesmo HCS Estúdios no Rio de Janeiro e teve a produção de Marco Anvito, do Hicsos. Mantendo o espírito “do it yourself”, a arte do disco ficou mais uma vez a cargo de Eduardo Martins.

Confira “Rise” pelo Spotify:

 

Mais informações:
Phone: +55 21 996292220

Dead Jungle Sledge: grupo anuncia lançamento de disco pelo selo Electric Funeral Records

Dead Jungle Sledge

Dead Jungle Sledge é uma banda Catarinense de metal formada em 2015 por Gabriel Marca (Vocal e Guitarra), Lucas Gomes (Baixo), Vinicius Pagnussat (Bateria) e Guilherme Lira (Guitarra).

O estilo da banda se baseia em vocais graves, afinações baixas, levadas pesadas na bateria e abordam temas em suas composições relacionados a reflexão social da atualidade. As influências do grupo variam desde o metal clássico do Black Sabbath, Black Label Society, Sepultura ao mais moderno como Lamb Of God, Deftones e Machine Head. Absorvendo elementos diferentes um do outro, introduzindo junto a personalidade da banda para formar o som do Dead Jungle Sledge.

“Unmask” é o primeiro álbum de estúdio da banda e apresenta um uso proeminente de guitarras com baixa afinação (Drop B), com riffs agressivos, rítmicos e sincopados, contendo dinâmica entre os ritmos dando densidade as músicas. O disco será lançado em todas as plataformas de streaming via Electric Funeral Records no dia 10 de abril.

Mais informações:
facebook.com/collapseagency
www.instagram.com/collapseagency
www.collapseagency.com.br
Phone+55 21  996292220