Dislaze: grupo estreia oficialmente novo clipe, “Man Down”, com mensagem direta: “F*D@-SE Bolsonaro”

Chegou a data de apresentar oficialmente ao mundo o primeiro trabalho visual da banda Dislaze. O single, “Man Down”, que recentemente foi liberado em todas as plataformas digitais, agora pode ser conferido no canal de YouTube da banda.

O vídeo tem em sua introdução, imagens reais e divulgadas em vários veículos de comunicação, que mostram o atual presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, falando abertamente em golpe de estado, racismo, homofobia, agredindo mulher e pouco dando importância para a pandemia de Covid-19 que assola o mundo.

A ideia central da Dislaze, que é uma banda totalmente apartidária, ou seja, não possui bandeira e nem político de estimação, é tentar abrir os olhos do povo brasileiro, para o “Asno” que atualmente é o chefe de estado do país. Comprovando em imagens reais, o quanto ele já falou besteiras em rede nacional.

Confira o clipe que acaba de ser oficialmente lançado:

O álbum ZERO, foi captado no Estúdio Fusão sob a produção de Thiago Bianchi e Douglas das Neves. Em breve mais detalhes serão devidamente apresentados pela banda.

Dislaze é formado por:
Marcos Sel – Vocal/Guitarra
Pedro Fabri – Baixo/Backing Vocal
Raphael Miotto – Bateria

Links relacionados:
Facebook: https://web.facebook.com/dislaze
Instagram: https://www.instagram.com/dislaze/
YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCbkbjFX7Easb71MgmwVo7tA

Hammathaz: grupo divulga capa, título e tracklist de disco de estreia

Hammathaz

Com produção de Thiago Bianchi, “The One” será o primeiro ‘full album’ do grupo

O Hammathaz já é um nome bastante conhecido no underground nacional. Afinal, são mais de 15 anos de carreira! Banda estradeira, conseguiu formar seu público muito mais através de apresentações ao vivo do que lançando material de estúdio. Já fizeram shows em várias regiões do Brasil, participaram de importantes festivais como Virada Cultural e Grito Rock e abriram para bandas renomadas como Mike Portnoy, Angra, Shaman, Ratos de Porão, entre outras. Mas em termos de estúdio o Hammathaz também acumula experiência. Sua discografia é formada por duas demo-tapes (“Antahkarana” de 2006 e “Downfall” de 2009), dois EPs (“Crawling” de 2011 e “Inner Walls” de 2013) e três singles (“Cursing” de 2010, “Enslaved” de 2012 e “So it Comes” de 2018).

Convictos naq Oneuilo que querem para a banda, mesmo em tempos onde o conceito de “álbum cheio” é deixado de lado, o Hammathaz lança neste ano de 2020 o seu primeiro registro nesse formato. Intitulado “The One”, o álbum reunirá nove faixas gravadas no Estúdio Fusão em Cotia/SP com produção de Thiago Bianchi (Noturnall/Shaman): “Farewell”, “Devil On My Shoulder”, “From The Grave”, “Bringing Hell”, “New Blood”, “Self-Chained”, “Tear The Walls”, “Irrational Beings” e “The End”.

“The One” é a síntese do desenvolvimento musical pelo qual o grupo passou durante essa uma década e meia de estrada: um diálogo contemporâneo entre o Death e o Thrash Metal que claramente idealiza o novo!

“Nós não nos limitamos ou rotulamos em relação à estética-sonora do The One”, afirma o guitarrista Thales Statkevicius. “Durante todo processo de produção nós fugimos das receitas prontas. E em relação as músicas como composições, temos de tudo lá, desde heavy metal tradicional até seus subgêneros como death, thrash e até mesmo black metal. Eu diria que existe um pouco de cada fase do Hammathaz, elementos mais “old school” da banda, mas também coisas mais contemporâneas. Penso que se uma banda não é capaz de inovar e experimentar coisas novas, ela está morta artisticamente. E é isso que mantém o Hammathaz vivo.”

A capa de “The One” foi desenvolvida pelo artista Jean Michel e, de acordo com o baixista Anderson Andrade, reflete toda a diversidade de temas explorados nas letras.

Hammathaz_Capa The One

“As letras das músicas do ‘The One’ abrangem desde um contexto de cotidiano até batalhas internas, especialmente a maior questão da vida: sobre quem somos e de onde viemos! A capa representa mais ou menos tudo isso. O anjo simboliza nossa alma, ofuscada pelos sete pecados capitais. Ela ainda traz uma corrente nos pés (escravização pelo sistema) e o símbolo do infinito (espírito). E ao seu lado direito, o jardim do Éden, em sua representação original numa progressão pelas pirâmides maias até os tempos atuais. Há ainda referência aos anjos caídos, o símbolo do alfa e o ômega. É, de fato, uma capa cheia de símbolos.”

“The One” vai ser lançado no segundo semestre de 2020 em data a ser anunciada.

“Fomos forçados a alterar todo nosso planejamento inicial para lançamento do The One por conta da pandemia por coronavírus. Mas já temos um novo plano de trabalho adaptado à nova realidade e bastante promissor. Creio que em poucas semanas poderemos anunciar detalhes do lançamento”, esclareceu o manager do grupo, Eliton Tomasi.

Por enquanto, fãs e seguidores do Hammathaz podem ouvir “New Blood”, o primeiro single do álbum que já está disponível nas plataformas de música:
Spotify: https://spoti.fi/2SmCw9E
Deezer: http://bit.ly/2UvJbRi
Google Play: http://bit.ly/38aSMRS
Amazon: https://amzn.to/380dBiC
iTunes: https://apple.co/3858u0G
Youtube: http://bit.ly/31v5loi

Além de Thales Statkevicius e Anderson Andrade, o Hammathaz também é formado por Thiago Pasqualini (vocal), Rodrigo Marietto (guitarra) e Lucas Santos (bateria).

Mais Informações:
www.facebook.com/hammathaz
www.youtube.com/HammaTubeChannel
www.instagram.com/hammathazofficial
www.soundcloud.com/hammathaz

 

 

Hammathaz: ouça o novo single “New Blood” com produção de Thiago Bianchi

Hammathaz

A faixa fará parte do álbum de estreia do grupo que está sendo gravado no Estúdio Fusão

O Hammathaz já é um nome bastante conhecido no underground nacional. Afinal, são mais de 15 anos de carreira! Banda estradeira, conseguiu formar seu público muito mais através de apresentações ao vivo do que lançando material de estúdio. Já fizeram shows em várias regiões do Brasil, participaram de importantes festivais como Virada Cultural e Grito Rock e abriram para bandas renomadas como Mike Portnoy, Angra, Shaman, Ratos de Porão, entre outras. Mas em termos de estúdio o Hammathaz também acumula experiência. Sua discografia é formada por duas demo-tapes (“Antahkarana” de 2006 e “Downfall” de 2009), dois EPs (“Crawling” de 2011 e “Inner Walls” de 2013) e três singles (“Cursing” de 2010, “Enslaved” de 2012 e “So it Comes” de 2018).

Convictos naquilo que querem para a banda, mesmo em tempos onde o conceito de “álbum cheio” é deixado de lado, o Hammathaz lança ainda no primeiro semestre de 2020 o seu primeiro registro nesse formato. Autointitulado, o álbum reunirá nove faixas que estão sendo gravadas no Estúdio Fusão em Cotia/SP com produção de Thiago Bianchi (Noturnal/Shaman). Uma delas é “New Blood” que acaba de ser lançada como single.

“New Blood” é a síntese do desenvolvimento musical e identitário pelo qual o grupo passou durante essa uma década e meia de estrada: um diálogo contemporâneo entre o Death e o Thrash Metal que claramente idealiza o novo!

“New Blood epiloga ideias e influências de cada um dos membros da Hammathaz”, afirma o guitarrista Rodrigo Marietto. “A ideia foi obter uma sonoridade distinta, não só dos trabalhos anteriores do Hammathaz, mas também entre cada uma das faixas que irão compor o álbum. Como elo dessa diversidade temos o elemento agressivo, seja sob uma faceta contemporânea de metal moderno, ou mais old school do death e black metal tradicionais.”

Já para Anderson Andrade, baixista e membro fundador do Hammathaz, os shows ao vivo serão sempre o principal referencial para o que acontece em estúdio.

“A resposta do público nos shows para a “New Blood” sempre foi excelente. Tirar um som pesado é o que fazemos melhor e a favor disso sempre tivemos a resposta do público nos shows”.

Visualização da imagem

Para ouvir “New Blood” nas plataformas de música, acesse:
Spotify: https://spoti.fi/2SmCw9E
Deezer: http://bit.ly/2UvJbRi
Google Play: http://bit.ly/38aSMRS
Amazon: https://amzn.to/380dBiC
iTunes: https://apple.co/3858u0G
Youtube: http://bit.ly/31v5loi

Além de Rodrigo Marietto e Anderson Andrade, o Hammathaz também é formado por Thiago Pasqualini (vocal), Thales Stat (guitarra) e Lucas Santos (bateria).

Data de lançamento e mais informações sobre o disco de estreia do Hammathaz serão divulgadas em breve.

Mais informações:
www.facebook.com/hammathaz
www.youtube.com/HammaTubeChannel
www.instagram.com/hammathazofficial
www.soundcloud.com/hammathaz

 

Vocifer: grupo lança oficialmente, “Biouna”, álbum conceitual que marca a estreia da banda no cenário nacional

Vocifer

Um dos estados brasileiros mais cativantes por sua cultura, rica em folclóricas histórias regionais, o Tocantins, apresenta ao mundo, uma banda de Heavy Metal que promete estremecer o estilo no Brasil e mundo, com seu álbum de estreia que acaba de ser lançado oficialmente.

Formada por músicos conceituados do estado, a Vocifer chega com um belíssimo cartão de apresentação. O álbum, “Boiuna”, oficialmente lançado neste 15 de janeiro, carrega consigo elementos tradicionais em linha melódicas muito bem compostas e um diferencial de tudo que é escrito liricamente por bandas do país.

CAPA-VOCIFER-final

Todo o enredo das 10 composições do disco, “Boiuna”, retratam a história da cobra gigante, que carrega o nome do disco e aterroriza o imaginário do povo ribeirinho. Vale lembrar que o estado do Tocantins, é banhado pelo Rio que carrega o nome do estado e possui diversos povoados as margens do rio.

O álbum inicialmente está liberado para usuários de toda e qualquer plataforma digital. O disco pode ser conferido no Spotify (link abaixo), Deezer, ITunes, Google Play, Napster, Tidal e várias outras. Acesse, confira e se encante com essa grande obra brasileira.

 

O disco foi gravado no estúdio Fusão com a supervisão, produção e masterização de Thiago Bianchi. Um dos maiores profissionais do Metal Nacional.

Tracklist:
01 – Release the Night
02 – Lady Moon
03 – The Curse of River’s Lord – Pt.1
04 – The Curse of River’s Lord – Pt.2
05 – Primal Clash
06 – Up on the Hills
07 – Lord of the Rain
08 – War of Vendetta
09 – Hummingbird
10 – Used to be
 
Formação:
João Noleto – Vocal
Pedro Scheid – Guitarra
Gustavo Oliveira – Guitarra
Lucas Lago – Baixo
Raphael Carvalho – Bateria
 
Links relacionados: