Hate Embrace: “Revoluções” – EP (2018)

 

Hate Hembrace - Capa do EP Revoluções.jpg

Formado em 2008 na cidade de Recife-PE, prestes a completar uma década de existência e quatro anos após lançarem o aclamado “Sertão Saga”, os pernambucanos do Hate Embrace, retornam com força máxima e nos presenteia com o EP intitulado “Revoluções”, onde abordam três momentos da história pernambucana: a batalha dos Guararapes, a revolução de 1817 e a Setembrizada de 1831. “Revoluções” é todo cantado em português e será lançado somente em formato digital, antecipando-se ao lançamento do próximo full length do grupo intitulado “Hellcife de Estorias”, a ser lançado ainda em 2018.

“Revoluções”, traz letras expressivas e bem elaboradas, aliadas a um Death Metal poderoso e veloz com uma sonoridade marcante e singular. O grupo formado por: George Queiroz (Vocal), João Paulo Araújo (Guitarra), Junior Vilar (Baixo), Vinicius Campos (Teclados) e Ricardo Necrogod (Bateria). Nos remete a atmosfera do século XVIII, expressando muito bem o conceito lírico de sua temática, proporcionando assim que ouvinte possa sentir um pouco do mesmo sentimento vivido pelos personagens da época.

O grupo consegue aliar peso, velocidade e qualidade técnica nas 3 composições que compõem o EP. Mantendo a evolução musical e executando um Death Metal tradicional, bem diversificado e totalmente old school, já demostrado no antecessor  “Sertão Saga”. Com muita personalidade, criatividade e uma sonoridade própria a banda demonstra versatilidade e uma agradável variação rítmica, com riffs pesados, rápidos e ríspidos, belos arranjos e uma ótima melodia. Sendo esses os complementos que abrilhantam as músicas aqui presentes.

“Revoluções”, foi gravado, editado e mixado no J.A Studio (Camaragibe-PE). A competente produção ficou novamente a cargo do grupo e de Joel Lima (operador de áudio). É bastante clara e de fácil compreensão, com uma sonoridade que demonstra o bom nível de qualidade deixando todas as faixas e instrumentos homogêneos. Tornando a audição bem interessante e dando aquele gostinho de quero mais. A bela arte da capa criada pelo baterista Ricardo Necrogod, combina perfeitamente com o conteúdo das músicas, dando ênfase a proposta cultural do grupo.

Um registro que exalta a cultura e a história nacional, sem perder o peso e a essência do estilo e que certamente vai agradar a todos os fãs do grupo e os amantes de metal extremo.

Confira abaixo o lyric vídeo já disponibilizado para faixa “À coroa tudo, ao povo nada”:

Tracklist:
01 – Guerra no Nordeste do Brasil
02 – À coroa tudo, ao povo nada
03 – Setembrizada
 
Formação:
George Queiroz – (Vocal);
João Paulo Araújo – (Guitarra/Voz);
Aldo Vilar – (Baixo/Voz);
Vinicius Campos – (Teclado/Voz);
Ricardo Necrogod – Bateria/Voz).
 
Links relacionados:

Voodoopriest, Tupi Nambha, Arandu Arakuaá, Hate Embrace, Cangaço e Natural Hate: apresentam suas histórias no programa “Heavy Metal on Line” especial “O Metal Resgatando Nossa História”

Metal Nativo - Heavy Metal Online

Um dos programas mais importantes de apoio ao cenário nacional é o “Heavy Metal On Line”, produzido e dirigido por “Clinger Carlos Teixeira”, que tem como fundamento levar até o público um documentário sobre algum assunto que envolva o Metal Nacional.

Foi liberado no canal oficial do “Heavy Metal On Line”, seu mais novo documentário que aborta de forma inteligente e bem produzido, bandas que resgatam a história folclórica do país.

Ao todo são quatro bandas nacionais que apresentam suas temáticas culturais e rítmicas, em suas composições, fugindo dos padrões tradicionais do estilo, inovando com a inclusão de instrumentos tribais e regionais e o conceito lírico sobre os indígenas brasileiros e o sertão nacional.

Hoje o país possui uma forte união entre as bandas que levam essa proposta, conhecidos como “Metal Nativo”, as bandas conhecidas como tribais, ganham cada vez mais força dentro e fora do país.

No programa “O Metal Resgatando Nossa História” as bandas Voodoopriest, Tupi Nambha, Arandu Arakuaá, Hate Embrace, Cangaço e Natural Hate, apresentam suas influências e temáticas folclóricas escolhidas na abordagem individual de cada uma das bandas.

Hate Embrace: o baixista Marcelo Santa Fé acaba de anunciar seu desligamento da banda!

13872972_1240853195927979_1524003503998247716_n

O anuncio foi feito pelo próprio Marcelo Santa Fé, agora a pouco na pagina oficial da banda no Facebook, confira o comunicado abaixo:

“Marcelo Santa Fé: Venho através desta, comunicar minha saída da Hate Embrace.
Deixo a banda em clima de total harmonia e entendimento, para me dedicar a outras atividades que muito em breve precisarão de minha atenção e dedicação total.
Agradeço aos meus amigos João, Vinicius, George e Ricardo(amigo há mais de dezoito anos), pela oportunidade de dividir estúdio, estrada e palco nesses últimos meses. Foi uma grande honra e aprendizado. Me diverti muito!
Agradeço aos fãs da banda pelo carinho, respeito e energia em cada show. Pra vocês deixo um recado: o próximo álbum vai ser incrível.
É isso! Espero encontra-los em breve. Fiquem bem…
Santa Fé!”

Acompanhe a Hate Embrace no Facebook:
www.facebook.com/Hate-Embrace