Hellish War: assista o lyric vídeo de “Warbringer”, nova música do grupo com a participação de Chris Boltendahl

Hellish War_Wine Of Gods

A faixa faz parte do novo álbum da banda, “Wine Of Gods”, financiado pelo Proac Editais e lançado em Julho

“Wine Of Gods”, novo álbum de estúdio do Hellish War, já está disponível! O disco foi lançado no último dia 19 de Julho em um evento fechado para imprensa e convidados no Central Panelaço em São Paulo.

“Wine Of Gods” foi gravado no Omni Studio em Cosmópolis/SP e no Reverbera Studio em Santos/SP e mixado e masterizado no PiccoliStudio em Londres, Inglaterra, por Ricardo Piccoli, com quem a banda havia trabalhado em seu disco anterior, “Keep It Hellish”.

Dez faixas inéditas compõem esse novo trabalho do Hellish War: “Wine Of Gods”, “Trial By Fire”, “Falcon”, “Dawn Of The Brave”, “Devin”, “House On The Hill”, “Burning Wings”, “Paradox Empire”, “The Wanderer” e “Warbringer”.

A última citada, “Warbringer”, reserva uma participação muito especial: a do frontman do Grave Digger, Chris Boltendahl! O vocalista alemão, que na música divide os vocais com Bil Martins, comentou sobre sua participação.

“Estou orgulhoso de fazer parte do novo álbum da banda brasileira Hellish War. Eles soam como se fossem uma banda europeia dos anos 80, como numa mistura do velho Running Wild, Rage e Grave Digger. Os riffs e vocais poderiam ter sido compostos na Alemanha ou em qualquer outra parte da Europa. Os fãs vão se surpreender com a energia e o poder dessa banda! Eu os desejo tudo de bom e muito sucesso no futuro com seu novo álbum, Wine Of Gods”.

O Lyric Video oficial de “Warbringer” já está disponível no canal oficial do Hellish War no Youtube:

“Wine Of Gods” já está disponível em CD Digipack – com distribuição pela Anti Posers Records – e também em versão digital para todas as plataformas de música:
 
Google Play: http://bit.ly/2Yz8R2T

Wine Of Gods” também ganhará uma versão em vinil a ser lançada pela Abigail Records em Setembro.

Três shows de lançamento, em Campinas, Sorocaba e Santos, também estão programados para acontecer entre Agosto e Setembro.

Em Sorocaba a apresentação acontece no próximo dia 17 de Agosto no Parque dos Espanhóis (R. Dr. Campos Salles, s/n – Vila Assis) a partir das 19h. O Brave será a banda convidada na noite. Em Santos a apresentação acontece no dia 01 de Setembro no Boteco Valongo (R. São Bento, 43 – Centro) a partir das 18h. O Living Metal será a banda convidada na noite. Em ambas ocasiões os shows terão entrada franca.

Além de Bil Martins, completam a formação do Hellish War em “Wine Of Gods” os guitarristas Vulcano e Daniel Job, o baixista JR e o baterista Daniel Person.

“Wine Of Gods” foi integralmente financiado pelo Proac Editais, programa de investimento direto do Governo do Estado de São Paulo através da Secretaria de Cultura e Economia Criativa.

Mais Informações:

Anúncios

Hellish War: data e detalhes do lançamento digital, em CD e vinil de “Wine Of Gods”, novo disco do grupo

Hellish War 2019

O quarto disco de estúdio do Hellish War tem financiamento pelo Proac Editais, iniciativa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

“Wine Of Gods”, novo disco de estúdio do Hellish War, vai ser lançado no próximo dia 19 de Julho. O trabalho foi gravado no Omni Studio em Cosmópolis/SP e no Reverbera Studio em Santos/SP e mixado e masterizado no PiccoliStudio em Londres, Inglaterra, por Ricardo Piccoli, com quem a banda havia trabalhado em seu disco anterior, “Keep It Hellish”.

Todas as músicas de “Wine Of Gods” são inéditas e grande parte nasceu durante o processo de composição que o grupo realizou numa chácara na região de Campinas/SP, de onde a banda é originária. Serão 10 faixas: “Wine Of Gods”, “Trial By Fire”, “Falcon”, “Dawn Of The Brave”, “Devin”, “House On The Hill”, “Burning Wings”, “Paradox Empire”, “The Wanderer” e “Warbringer”. Essa última traz a participação especial de Chris Boltendahl, vocalista do Grave Digger.

No dia 19 de Julho estarão disponíveis a versão física em CD Digipack – com distribuição pela Anti Posers Records – e também digital em todas as plataformas de música. Para marcar a data, o vocalista Bil Martins, os guitarristas Vulcano e Daniel Job, o baixista JR e o baterista Daniel Person receberão imprensa e convidados em um evento fechado no Central Panelaço em São Paulo. Três shows de lançamento, em Campinas, Sorocaba e Santos, também estão programados para acontecer em Agosto.

Por fim, “Wine Of Gods” também ganhará uma versão em vinil a ser lançada pela Abigail Records. Lucas Romão, proprietário do selo fundado no Brasil, porém hoje estabelecido em Portugal, dá detalhes da parceria.

“É sempre um prazer trabalhar com músicos tão competentes que fazem música de qualidade e com muito amor ao metal. Nossa história com o Hellish War já vem de alguns bons anos. Em 2001, quando ainda nem estávamos sobre a alcunha de Abigail Records, a banda se apresentou em um festival que produzimos na cidade de Piracicaba/SP. Depois de longos 17 anos, nossos caminhos se cruzaram novamente e eles abriram o show do Armored Saint em São Paulo. A partir daí a parceria só veio a fortalecer. Fazer este lançamento em vinil é uma grande honra para nós e mal posso esperar pelos próximos capítulos que estão se desenhando. Keep it Hellish!”.

Detalhes e data de lançamento da edição em vinil serão divulgadas em breve.

“Wine Of Gods” foi integralmente financiado pelo Proac Editais, programa de investimento direto do Governo do Estado de São Paulo através da Secretaria de Cultura e Economia Criativa.

Mais Informações:

Hellish War: Chris Boltendahl é convidado especial em “Wine Of Gods”, novo disco do grupo

Hellish War 2019

O quarto disco de estúdio do Hellish War tem financiamento pelo Proac Editais, iniciativa da Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

“Wine Of Gods”, novo disco de estúdio do Hellish War, já está pronto! O trabalho foi gravado no Omni Studio em Cosmópolis/SP e no Reverbera Studio em Santos/SP e mixado e masterizado no PiccoliStudio em Londres, Inglaterra, por Ricardo Piccoli, com quem a banda havia trabalhado em seu disco anterior, “Keep It Hellish”.

Todas as músicas de “Wine Of Gods” são inéditas e grande parte nasceu durante o processo de composição que o grupo realizou numa chácara na região de Campinas/SP, de onde a banda é originária.

Serão 10 faixas: “Wine Of Gods”, “Trial By Fire”, “Falcon”, “Dawn Of The Brave”, “Devin”, “House On The Hill”, “Burning Wings”, “Paradox Empire”, “The Wanderer” e “Warbringer”.

A última citada, “Warbringer”, reserva uma participação muito especial: a do frontman do Grave Digger, Chris Boltendahl.

Chris Boltendhal

O vocalista alemão, que na música divide os vocais com Bil Martins, comentou sobre sua participação.

“Estou orgulhoso de fazer parte do novo álbum da banda brasileira Hellish War. Eles soam como se fossem uma banda europeia dos anos 80, como numa mistura do velho Running Wild, Rage e Grave Digger. Os riffs e vocais poderiam ter sido compostos na Alemanha ou em qualquer outra parte da Europa. Os fãs vão se surpreender com a energia e o poder dessa banda! Eu os desejo tudo de bom e muito sucesso no futuro com seu novo álbum, Wine Of Gods”.

Além de Bil Martins, completam a formação do Hellish War em “Wine Of Gods” os guitarristas Vulcano e Daniel Job, o baixista JR e o baterista Daniel Person.

“Wine Of Gods” será lançado em Julho em data a ser divulgada. A distribuição nacional do disco será feita exclusivamente pela Anti Posers Records.

Hellish War_Wine Of Gods

Três shows de lançamento, em Campinas, Sorocaba e Santos, estão programados para acontecer em Agosto.

“Wine Of Gods” foi integralmente financiado pelo Proac Editais, programa de investimento direto do Governo do Estado de São Paulo através da Secretaria da Cultura e Economia Criativa.

Mais Informações:

 

Hellish War: grupo divulga capa e track list de novo álbum, “Wine Of Gods”

Hellish War 2019

O quarto disco de estúdio do Hellish War tem financiamento pelo Proac Editais, iniciativa da Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

“Wine Of Gods”, novo disco de estúdio do Hellish War já está pronto! O trabalho foi gravado no Omni Studio em Cosmópolis/SP e no Reverbera Studio em Santos/SP e mixado e masterizado no Piccoli Studio em Londres, Inglaterra, por Ricardo Piccoli, com quem a banda havia trabalhado em seu disco anterior, “Keep It Hellish”.

“Wine Of Gods” vai incluir 10 faixas: “Wine Of Gods”, “Trial By Fire”, “Falcon”, “Dawn Of The Brave”, “Devin”, “House On The Hill”, “Burning Wings”, “Warbringer”, “Paradox Empire” e “The Wanderer”.

Todas as músicas são inéditas e grande parte nasceu durante o processo de composição que o grupo realizou numa chácara na região de Campinas/SP, de onde a banda é originária.

Para o vocalista Bil Martins, “Wine Of Gods” tem um significado especial, já que é o primeiro álbum do Hellish War em que ele participou ativamente no processo criativo.

“Após o lançamento do “Keep it Hellish”, um pensamento que sempre vinha à mente, era se conseguiríamos produzir um álbum a altura”, comenta o vocalista. “Eu particularmente acho que conseguimos manter o nível em “Wine of Gods”, com as melodias e agressividade que são características marcantes na banda, junto à parte lírica que teve uma atenção especial. Acho que a diferença que nossos ouvintes mais sentirão está justamente na parte vocal, onde eu pude me expressar muito mais e imprimir minha identidade, sem descaracterizar o que o Hellish War já vinha fazendo esses anos todos. Em resumo, acredito que é o trabalho mais maduro da banda e os fãs podem esperar pela pegada de sempre. Heavy Metal puro do início ao fim”.

Completam a formação do Hellish War em “Wine Of Gods” os guitarristas Vulcano e Daniel Job, o baixista JR e o baterista Daniel Person.

Para a capa de “Wine Of Gods” o Hellish War mantém a tradição de continuar trabalhando com o artista Eduardo Burato, responsável por todas as capas dos discos de estúdio da banda, desde o debute “Defender Of Metal” de 2001. A artista-plástica Juh Leidl assina o layout do encarte.

Hellish War_Wine Of Gods

“Wine Of Gods” será lançado em Julho em data a ser divulgada. A distribuição nacional do disco será feita exclusivamente pela Anti Posers Records.

Três shows de lançamento, em Campinas, Sorocaba e Santos, estão programados para acontecer em Agosto.

“Wine Of Gods” foi integralmente financiado pelo Proac Editais, programa de investimento direto do Governo do Estado de São Paulo através da Secretaria da Cultura e Economia Criativa.

Outras informações relacionadas ao álbum serão divulgadas em breve.

Mais Informações:

 

 

Hellish War: grupo anuncia título de novo álbum

Hellish War

O novo disco tem financiamento pelo Proac Editais, iniciativa da Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

Há mais de 20 anos o Hellish War vem mantendo a tradição de se fazer Heavy Metal à maneira clássica. Novas bandas e novas tendências desapareceram tão rapidamente quanto surgiram, ao passo que o Hellish War segue firme mantendo vivo esse legado. Paralelamente a paixão e o desejo dos músicos de continuarem tocando metal tradicional, o Hellish War teve que se reinventar ao longo dessas mais de duas décadas de carreira para conseguir manter ativa sua produção criativa. Nos bons tempos da indústria fonográfica, o grupo conseguiu, mesmo a margem das expectativas estéticas do mercado à época, assinar contratos de gravação que foram determinantes para que a banda não só pudesse dar manutenção, mas conseguisse ampliar sua formação de público, chegando até a Europa, onde já excursionou duas vezes e se apresentou em importantes festivais.

Quando a realidade dos novos tempos mostrou que o comércio convencional de música já não era mais eficaz e que não haviam mais muitas possibilidades através do mercado, o grupo soube entender que é através das políticas públicas de cultura que um artista ou grupo musical pode encontrar um conjunto de instancias onde é possível produzir e difundir arte e cultura da forma mais ética e responsável.

O grupo então inscreveu um projeto para gravação de seu novo disco no Proac Editais, programa de investimento direto do Governo do Estado de São Paulo através da Secretaria da Cultura e Economia Criativa. Cada edital é direcionado a um determinado segmento artístico e/ou cultural. O Hellish War participou do edital nº 24/2018 – Música Alternativa ou Eletrônica que abrange o segmento “Heavy Metal” e foi contemplado com um valor em reais para financiamento de seu novo álbum.

Já com as gravações em andamento, o Hellish War vem agora anunciar o título do novo álbum: “Wine Of Gods”.

“Assim como em nossos álbuns anteriores, o título deste trabalho é também o nome de uma das músicas do novo álbum”, declara o baterista Daniel Person. “A faixa Wine of Gods traz os elementos clássicos do Hellish War, e já estamos ansiosos para tocá-la ao vivo ao longo desse ano. É difícil dizer se essa será a faixa preferida dos fãs, pois acho que temos um conjunto de várias músicas muito fortes neste novo trabalho. Quem acompanha o Hellish War sabe que não somos uma banda que lança álbuns com grande frequência… Só lançamos um novo disco quando temos certeza de que o trabalho fará jus à história da banda. E sentimos que é chegada a hora de Wine of Gods!”

Wine Of Gods” será lançado em Junho. O disco vai ser mixado e masterizado em Londres, na Inglaterra, por Ricardo Piccoli, com quem o Hellish War já havia trabalhado em seu disco anterior, “Keep It Hellish”.

Três shows de lançamento, em Campinas – cidade natal da banda -, Sorocaba e Santos também estão programados para acontecer em Julho.

Outras informações relacionadas ao álbum serão divulgadas em breve.

Entre outras novidades, no próximo dia 09 de Março o Hellish War será uma das principais atrações do Indaiá Metal Fest 2019.

O festival acontece a partir das 13h no XV Eventos (Av. Presidente Vargas, 296 – Indaiatuba/SP) e além do Hellish War contará com apresentações do Vulcano, Vulture, Conquistadores, Havok 666, Biter, Corporate Death, Antroforce, Evil Sense e Eyeliner. Os ingressos vão de R$ 30,00 à R$ 40,00. Ingressos antecipados podem ser adquiridos através do sistema Sympla: https://www.sympla.com.br/indaia-metal-fest-2019__407119?fbclid=IwAR2gYTVDAOGBOnfMoZXidcydE0A5vRtfOSqbGcjBHq5kmbh9JNhS-WF4tQg
Confirme presença na página do evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/1013212418856389/

Mais Informações:

Hellish War: banda anuncia novo disco com financiamento pelo Proac Editais e faz show no Guaru Metal Fest neste sábado

Hellish War 2

Há mais de 20 anos o Hellish War vem mantendo a tradição de se fazer Heavy Metal à maneira clássica. Novas bandas e novas tendências desapareceram tão rapidamente quanto surgiram, ao passo que o Hellish War segue firme mantendo vivo esse legado.

Paralelamente a paixão e o desejo dos músicos de continuarem tocando metal tradicional, o Hellish War teve que se reinventar ao longo dessas mais de duas décadas de carreira para conseguir manter ativa sua produção criativa. Nos bons tempos da indústria fonográfica, o grupo conseguiu, mesmo a margem das expectativas estéticas do mercado à época, assinar contratos de gravação que foram determinantes para que a banda não só pudesse dar manutenção, mas conseguisse ampliar sua formação de público, chegando até a Europa, onde já excursionou duas vezes e se apresentou em importantes festivais.

Quando a realidade dos novos tempos mostrou que o comércio convencional de música já não era mais eficaz e que não haviam mais possibilidades através do mercado, o grupo soube entender que é através das políticas públicas de cultura que um artista ou grupo musical pode encontrar um conjunto de instancias onde é possível produzir e difundir arte e cultura da forma mais ética e responsável.

O grupo então inscreveu um projeto para gravação de seu novo disco no Proac Editais, programa de investimento direto do Governo do Estado de São Paulo através da Secretaria de Cultura. Cada edital é direcionado a um determinado segmento artístico e/ou cultural. O Hellish War participou do edital nº 24/2018 – Música Alternativa ou Eletrônica que abrange o segmento “Heavy Metal” e foi contemplado com um valor em reais para financiamento de seu novo álbum.

“Depois de todos os processos de avaliação, assinamos o contrato com o Estado de São Paulo na semana passada e dentro de alguns dias o Hellish War recebe a primeira parte do pagamento para começar o processo de gravação de seu novo álbum”, conta o gestor cultural do grupo, Eliton Tomasi. “O art. 215 da Constituição estabelece que o Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais. Após essa recente tragédia com o Museu Nacional, o momento é importante para discutir sobre isso. Espero que todos que produzem, difundem e consomem cultura nesse país possam ter conhecimento e procurem fazer vigorar a lei. Em nosso segmento, o rock/metal, que por vezes é considerado, pasmem, como “exceção cultural”, é mais urgente ainda o entendimento desses mecanismos de financiamento para que toda a produção criativa nesse segmento possa voltar a ter dinamismo. É preciso entender, e aceitar, sem ressentimentos, que o mercado se desfez do rock ‘n’ roll depois de ter se apropriado dele durante todos esses anos.”

Já para JR, baixista do Hellish War, ainda é surpreendente receber a notícia da aprovação de um projeto para edital público no Brasil onde o Heavy Metal está longe de ser um segmento musical popular.

“Ganharmos um edital deste tipo é muito gratificante. Isso nos motivou e deu um gás tremendo em nosso processo de composição. Já estamos com metade do novo disco pronto e já iniciamos a pré-produção. Estamos confiantes com o direcionamento deste novo disco.” 

Antes de entrar em estúdio para começar a gravar o sucessor do super elogiado “Keep It Hellish” de 2015, o Hellish War cumpre sua agenda de shows que incluiu uma participação bastante especial no Guaru Metal Fest neste sábado dia 08 de Setembro. O grupo divide o palco com outros importantes nomes do Heavy Metal nacional como Attomica, Centurias, Witch Hammer, Battalion, Selvageria, War Age, Rising, Thunder Spell, Antroforce, Golpe Devastador e Biter. A abertura dos portões está marcada para às 14:00 e a apresentação do Hellish War está prevista para ter início às 22:00. O Guaru Metal Fest será realizado no Clube Recreativo de Guarulhos (Rua Dr Nilo Peçanha 111 – Centro) e os ingressos estão disponíveis no Clube do Ingresso por R$ 70,00: http://www.clubedoingresso.com/guarulhosmetalfest2018

Cartaz Guaru Metal Fest

Links relacionados::
 
Mais informações:

Hellish War: faz show de abertura para o Armored Saint em São Paulo neste domingo

Hellish War Low 1

O Hellish War volta a se apresentar na capital paulista neste domingo dia 03 de Junho e a ocasião não poderia ser melhor: o grupo foi convidado para fazer o show de abertura para o Armored Saint!

Os shows acontecem a partir das 18h no Fabrique Club (Rua Barra Funda, 1075 – Próximo ao Terminal da Barra Funda e Clash Club) e os ingressos vão de R$ 100,00 a R$ 200,00 e estão à venda na Die Hard e Lady Snake na Galeria do Rock em São Paulo e também através da Ticket Brasil: https://ticketbrasil.com.br/show/5731-armoredsaint-saopaulo-sp/

Essa será a primeira e única apresentação do Armored Saint no Brasil. Formada em 1982 em Los Angeles/Califórnia, o Armored Saint é contemporâneo a nomes do primeiro escalão do metal norte-americano como Metallica, Slayer e Anthrax, tendo, inclusive, como vocalista, John Bush, que fez história no Anthrax e foi considerado para entrar no Metallica. O primeiro álbum do Armored Saint, “March Of The Saint”  de 1984, é considerado um dos maiores clássicos do Heavy Metal mundial, assim como o segundo, “Delirious Nomad”, lançado 1985. “Raising Fear”, de 1987, completa uma trilogia avassaladora.

A formação atual do Armored Saint traz além de Bush nos vocais, Joey Vera (baixo, e também integrante do Fates Warning), Phil Sandoval (guitarra), Jeff Duncan (guitarra) e Gonzo Sandoval (bateria). No repertório, clássicos dos três primeiros discos e também canções do álbum de 2015, “Win Hands Down”.

O convite para o Hellish War fazer o show de abertura para o Armored Saint surgiu a partir da produção do evento, a Abigail Records, considerando a relevância artística e cultural do Hellish War, numa demonstração exemplar de respeito e responsabilidade com a música autoral pesada brasileira.

“A escolha pela Hellish War acabou por ser bem natural”, declarou o produtor do show, Lucas Romão da Abigail Records. “Além de eu curtir a banda e acompanhá-los desde a época do “Defender of Metal”, o Hellish War é sem dúvida alguma uma das principais bandas dentro do seu estilo, o que casa perfeitamente nesta grande celebração ao heavy metal que teremos no dia 3 de Junho com o Armored Saint”.

Armored Saint_Hellish War

Sobre o Hellish War:
Há mais de 20 anos o Hellish War vem mantendo a tradição de se fazer Heavy Metal à maneira clássica. Novas bandas e novas tendências desapareceram tão rapidamente quanto surgiram, ao passo que o Hellish War, em meio à efemeridade do metal moderno, segue mantendo viva uma tradição.
 
“Defender Of Metal”, o disco de estreia lançado em 2001, é considerado um clássico do estilo no Brasil e na Europa, onde o grupo já excursionou duas vezes. “Heroes Of Tomorrow”, de 2008, trouxe a banda para níveis superiores em termos de técnica e musicalidade, ao passo que a imprensa destacou as características “europeias” do som do Hellish War: “Heroes Of Tomorrow é um trabalho que muitas bandas europeias gostariam de ter lançado.” (Metal Temple – Grécia). Depois de “Live In Germany”, eleito pelo site Heavy Metal Brasil como um dos “melhores discos ao vivo do Heavy Metal brasileiro de todos os tempos”, “Keep It Hellish” abriu um novo ciclo na carreira da banda ao marcar a estreia do novo vocalista Bil Martins.
 
Além de Bil Martins, o Hellish War também é formado pelos guitarristas Vulcano e Daniel Job, o baixista JR e o baterista Daniel Person.
 
Serviço:
Abigail Records apresenta:
Armored Saint – Pela primeira vez e em apresentação exclusiva no Brasil! Abertura: Hellish War
Data: 03/06/18 – Domingo
Local: Fabrique Club (Rua Barra Funda, 1075 – Próximo ao Terminal da Barra Funda e Clash Club)
Abertura da casa: 18h | Hellish War: 19h | Armored Saint: 20h
Ingressos:
Pista Meia (Lote 1): R$100
Pista Promocional (Lote 1): R$110
Pista Inteira (Lote 1): R$200
Pontos de venda sem taxa:
Galeria do Rock (Av. São João, 439 – Centro – São Paulo):
-Loja Die Hard Records: 2º Andar, Loja 313
-Loja Lady Snake: 1º Andar, Loja 213
Imprensa: lpmetalpress@gmail.com
Produção: Abigail Records
 
Mais Informações: