Primator: novo álbum será patrocinado pelo Wacken Foundation

Primator_Wacken Foundation

“Poderosa, criativa, técnica e cheia de conteúdo” (Dossiê do Rock); “Transpira autenticidade” (Blog Na Mira); “Mais um álbum para a lista de grandes lançamentos nacionais” (A Música Continua a Mesma); “Extremamente bem feito!” (Música e Cinema); “Muito bom!” (Arte Metal); “Uma das melhores bandas de Heavy Metal que nós escutamos na atualidade” (Resenha do Rock).

Essas foram algumas declarações que a banda paulistana de Heavy Metal tradicional Primator conquistou na imprensa especializada com seu disco de estreia, “Involution”. O álbum também foi eleito um dos “Melhores Álbuns Nacionais de 2015” pelo Heavynroll, Mundo Metal e Roadie Metal e chegou a ser indicado para o Prêmio Dynamite na categoria “Melhor Álbum de Heavy Metal”.

Essa positiva repercussão ao trabalho de estreia foi determinante para a mais importante conquista da banda até aqui: o Primator é a nova banda brasileira a ser patrocinada pelo programa Wacken Foundation!

O Wacken Foundation é uma organização alemã sem fins lucrativos criada para apoiar projetos de hard rock e heavy metal de todas as partes do mundo. A organização foi idealizada em 2008 pelos produtores do Wacken Open Air (W:O:A), o maior festival de hard rock e heavy metal do planeta, e tem a missão de manter ativa a produção criativa nesse segmento e estimular novas bandas e projetos. Desde 2010 o Wacken Foundation passou a fazer contribuições em Euros para projetos de gravações de discos, turnês e até mesmo festivais. Os projetos podem ser enviados durante todo o ano e uma comissão de curadores avaliam os mais relevantes que virão a receber o apoio. A vocalista alemã Doro Pesch figura entre a equipe de curadores. Entre os doadores estão nomes como o de Alice Cooper que fez recentemente uma doação de US$ 10 mil à fundação.

Prevendo o início das gravações de seu novo disco de estúdio, o Primator apresentou um projeto ao Wacken Foundation e foi contemplado com uma soma em Euros que vai ajudar a financiar a produção. O grupo paulistano é a terceira banda brasileira a ser patrocinada pelo Wacken Foundation. Antes, apenas o Uganga e a banda itSELF foram contempladas.

“Ainda juntando os cacos após a perda repentina do Mario Linhares, que produzia o novo disco e apadrinhava a Primator, recebemos uma notícia diretamente da Alemanha que o encheria de orgulho. Com muita honra e alegria, teremos o aporte do Wacken Foundation para produção e gravação do novo trabalho! Reconhecimento este que certamente nos motiva a continuar nessa batalha diária, dessa vez atrelados ao nome do maior evento de heavy metal do mundo! Sinal de que estamos no caminho certo e que o Brasil ainda figura positivamente como um celeiro de talentos na cena mundial”, comentou o vocalista do Primator, Rodrigo Sinopoli.

Para o gestor/manager do Primator, Eliton Tomasi, programas como o Wacken Foundation são essenciais para a nova realidade da comunidade metal de todo o mundo.

“Não é novidade que o mercado para esse tipo de música tornou-se mínimo nos últimos anos”, comenta Tomasi. “As poucas gravadoras europeias e americanas que ainda investem nesse segmento de som pesado têm se limitado às bandas já consagradas. Isso faz com que a produção criativa fique estagnada, sem renovação. E a falta de novas bandas, com novas ideias, contribuem para um engessamento do movimento como um todo, seja a partir de sua concepção estética-artística ou no que se refere a formação de público, razão pela qual não há muito mais jovens em shows de metal por todo o mundo. Os organizadores do Wacken Open Air demonstram cultivar um pensamento responsável com relação a esse movimento cultural que é o heavy metal, e a idealização do Wacken Foundation é uma louvável alternativa para manter o hard rock e o heavy metal pulsante e criativo, seja a curto ou a longo prazo. Além de sua conveniência econômica, o Wacken Foundation tem um valor simbólico muito significativo por ser um exemplo da força que o pensamento e trabalho colaborativo podem vir a ter frente a filosofia competitiva e mercantilista que predominam na contemporaneidade metaleira”.

O novo disco do Primator que receberá o patrocínio do Wacken Foundation ainda não tem título definido, embora boa parte das músicas já esteja composta. Mais novidades sobre o novo trabalho e a parceria com o Wacken Foundation serão anunciadas em breve.

Entre outras novidades, o novo disco do Primator terá a contribuição criativa do novo guitarrista, Felipe Fatarelli.
“Com o processo de composição para o novo álbum em andamento, o Lucas Almeida deixou a Primator para se dedicar ao seu projeto cover com a Destroyer Kiss. Após várias audições, temos orgulho em integrar à banda, nosso amigo de longa data, o talentoso Felipe Fatarelli, que se encaixa perfeitamente à nova proposta sonora em que estamos trabalhando”, comentou Rodrigo sobre a entrada do músico.

Felipe também fez questão de sublinhar sua expectativa em fazer parte do time agora.
“A minha entrada na Primator deu-se por um convite feito pelo vocalista Rodrigo Sinopoli, meu amigo pessoal e pessoa pela qual detenho admiração pelo trabalho que tem realizado. Entretanto, não foi apenas um convite, passei por uma audição na qual outros dois bons guitarristas participaram também. E após as três audições que a banda fez, fui selecionado! Tenho grande expectativa quanto ao trabalho que vamos realizar juntos. Mostrar meu potencial quanto guitarrista e compositor buscando uma característica única para o som da banda. Trabalharei com afinco e dedicação.”

Mais Informações:
www.bandaprimator.com.br
www.facebook.com/bandaprimator
www.soundcloud.com/bandaprimator
www.twitter.com/primatormetal

 

Anúncios

Attività Power Trio: divulga data de lançamento de seu novo álbum “Confusão”

Attività-Power-Trio-02

A espera pelo novo álbum de estúdio da banda fluminense Attività Power Trio já tem data marcada para se encerrar. O lançamento de “Confusão”, o segundo full-length da banda, está marcado para o dia 31 de janeiro. O trabalho será lançado tanto em formato físico como na forma digital.

Mas aquele que estiver interessado em fazer o seu pedido de “Confusão” antes do dia do lançamento oficial poderá fazê-lo a partir do dia 19 de janeiro, data do início da pré-venda do álbum através do iTunes. “Confusão” será o sucessor do debut da banda, “Nos Caminhos Da Noite”, que apresentou a banda ao grande público e que a fez se tornar reconhecida em seu estado.

Fundada em 2010 e formada atualmente por Fábio Pimentel (vocais, guitarras), Douglas (bateria) e Glaudiston Couto (contrabaixo, vocais) pratica um Rock n’ Roll empolgante e descompromissado, mas com momentos em que a técnica pede seu espaço para enriquecer o som do grupo. Influências de Progressivo, Psicodélico e Heavy Metal podem ser sentidas na musicalidade do Attività Power Trio, algo que se pode constatar em seu debut e que também será certo em “Confusão”, vide a primeira faixa que já está disponível para audição,“Cognição”.

Attività-Power-Trio- capa.jpg

Attività Power Trio é formado por:
Fábio Pimentel – (Vocais, Guitarras);
Glaudiston Couto – (Baixo, Vocais);
Douglas – (Bateria).
 
Mais informações:

Gueppardo: lança lyric vídeo para a música “Execução Sumária”

Gueppardo 9

A banda Gueppardo acaba de disponibilizar em seu canal oficial no youtube, o lyric video para a música “Execução Sumária”. A canção é o primeiro single do álbum que leva o mesmo nome e deve ser lançado no início de 2018.

O vídeo traz imagens da banda ao vivo, durante as apresentações da “Animal Tour em Argentina 2017”, captadas por Marcos Neuberger. A produção e direção ficou a cargo de Ricardo Janke.

O baixista Rafael Yadek fala sobre o single: “Gosto da música pela originalidade da composição do Perÿ (guitarrista e compositor) e pela letra que fala sobre um tema bem presente na vida da nossa cidade e do país: a insegurança nas ruas. Nossos jornais praticamente escorrem sangue, devido a notícias sobre mortes e crimes. Não estamos propagando este tipo de comportamento, simplesmente mostrando a realidade. Por outro lado, a música em si traz a mescla do Hard/Heavy que é o estilo em que todos na banda convergimos de forma unânime” – explica Rafael.

Agora a banda ajusta os últimos detalhes em estúdio para lançar o novo álbum. “Execução Sumária” traz releituras das músicas do EP “Instinto Animal” (2007 – não lançado oficialmente), novas canções e bônus especiais. “Será o começo de uma nova fase e a nova cara da Gueppardo, com a voz potente do Mauricio e a batera firme do Leo, além do baixo seguro como sempre do Rafael. Enfim, esperamos um bom resultado e uma extensa tour para 2018” – ressalta o guitarrista Perÿ Rodriguez.

Assista o lyric video abaixo:

Mais informações:

Warshipper: épica faixa título do novo álbum ganha lyric video

Warshipper

A banda de Death Metal Warshipper está divulgando o lyric video da faixa título de seu novo álbum, “Black Sun”, que será lançado em janeiro de 2018. Dividida em três partes, são dez minutos de pura criatividade, resultado de uma coesão incrível entre Renan Roveran (guitarra, vocal), Rafael Oliveira (guitarra), Rodolfo Nekathor (baixo) e Roger Costa (bateria). Sob os cuidados do produtor Rafael Augusto Lopes (Estúdio Casanegra) e do designer Wanderley Perna, “Black Sun (Part I, II & III)” está disponível no Youtube e na página da banda.

Assista ao lyric video de “Black Sun”:

A temática do álbum é baseada numa pré-concepção da banda e promove o conceito relativo à abordagem abstrata do “conto astrológico” sobre Nemesis. Trata-se de uma segunda estrela junto ao sol que formaria um sistema binário em nosso sistema solar, a qual cruza a cada 26 Milhões de anos a nuvem de Oort trazendo desgraça à Terra e extinção de espécies.

A capa, criada por Alcides Burn, foi inspirada nesta ideia da banda, e segundo Renan, “foi muito bem sintetizada pela arte de Alcides Burn”. Para entender melhor este conceito, o guitarrista explicou do que se trata “Black Sun”: “Há uma alusão a essa hipótese apocalíptica para com a ideia do desprendimento dogmático, também contemplando o conceito relativo ao buraco negro espiritual que suga a consciência autocentrada neste, em sintonia com a ideia de que no universo os buracos negros sugam a Luz. Ao invés de o fim do mundo, um apocalipse religioso. A morte de deus(es) é representada pela ideia deste tema, o qual suga a luz dogmática, trazendo consigo o desprendimento religioso e então a iluminação Ateísta. Este espírito ateísta permeia o clima do disco, lírica e musicalmente”.

“Black Sun” será lançado em parceria pelos selos Lab6 Records, Brutaller Records e Estúdio Casanegra.

Links relacionados:
Facebook: www.facebook.com/warshipper
Twitter: www.twitter.com/warshipper
Soundcloud: www.soundcloud.com/warshipper-deathmetal
Youtube: www.youtube.com/warshipperband

Attività Power Trio: banda divulga lyric-video da nova música “Cognição”

Attività-Power-Trio-01

O grupo fluminense Attività Power Trio está em seus preparativos finais para o lançamento de seu novo trabalho de estúdio, intitulado “Confusão”. Com previsão de lançamento para janeiro de 2018, a banda formada por Fábio Pimentel (vocais, guitarras), Douglas (bateria) e Glaudiston Couto (contrabaixo, vocais) lançou recentemente uma prévia do que está por vir em “Confusão”, em forma de vídeo com trechos de cada música que comporá o álbum.

Agora a banda divulga uma amostra completa do novo álbum. Está disponibilizado nos canais de divulgação do Attività Power Trio o lyric-video da música “Cognição”, o qual você já pode conferir logo a seguir:

“Confusão”, o segundo trabalho do Attività e que sucederá o debut “Nos Caminhos Da Noite”, estará disponível tanto em formato físico quanto nas principais plataformas de streaming na internet. O Attività Power Trio é conhecido por praticar um Rock n’ Roll descompromissado, que não deixa de lado a técnica quando esta precisa de seu espaço, dadas as influências de Psicodélico, Progressivo e Heavy Metal em seu som.

Attività Power Trio é formado por:
Fábio Pimentel (vocais, guitarras)
Glaudiston Couto (baixo, vocais)
Douglas (bateria)
 
Mais informações:

Huey: lança videoclipe do novo single, Pei

Huey_EstevamRomera

Tão ​intrigante e envolvente quanto à música, o videoclipe de “Pei” enaltece o Huey num brilhante momento criativo. A produção, dirigida pela BendLeve Filmes, traz a intensidade da sonoridade do single à fotografia, entre cenas da banda tocando e takes externos numa floresta com performance da atriz Beatriz Martinhão.

Assista ao clipe:

“Pei” é o primeiro single de “Ma”, o conceitual segundo álbum do quinteto paulistano que será lançado já nos primeiros meses de 2018. As camadas sonoras, os efeitos e a explosão do instrumental ganham apelo visual no videoclipe por meio do sólido trabalho de montagem de Bruno Henrique e da direção de fotografia e câmera de Luiz Maximiliano.

Com o single disponível para streaming e download em plataformas digitais, videoclipe lançado e uma marcante última apresentação em 2017 no início de dezembro no Dissenso Studio, o Huey se consolida como uma das mais relevantes e criativas bandas da música instrumental do Brasil, já com o álbum Macompletamente gravado e produzido para atingir o mercado no próximo ano.

“Pei” está disponível para streaming e download gratuito em https://hueyband.bandcamp.com.

Huey – Formação:
Dane El
Minoru
Rato
Vellozo
Vina
Mais informações:
(19) 99616 2999

 

Sanctifier: fecha com o selo Rising Records para novo lançamento

Sanctifier-deathmetal

Veterana no cenário Death Metal brasileiro, a Sanctifier que surgiu em 1989 em Natal/RN, gravou várias demos até debutar em 2004 com “Awaked by Impurity Rites”, repetindo a façanha de sucesso com “Daemoncraft” em 2012, ambos lançados pela Dying Music.

O terceiro álbum, “Lone Wolf Syndicate“, está alcançando o final de sua pré-produção e será lançado pela Rising Records que já lançou outros nomes, como Desultory da Suécia e as brasileiras Primordium e Heavenless.

“Em primeiro lugar a banda agradece ao velho amigo Everton de Castro da Dying Music pela parceria e lançamento de nossos primeiros álbuns, foram anos de muito espírito underground que ajudaram a banda a atingir seus objetivos naqueles momentos”, agradece o grupo e prossegue, “Hoje, continuamos com o mesmo espírito de amizade, mas decidimos mudar”.

A mudança que a banda aponta se refere a novos horizontes e pessoas que buscam conhecer o seu som, assim como o desejo de ampliação do quadro de amigos que já conhecem o seu trabalho.

“Nesse espírito de mudança, decidimos procurar mais amigos ou conhecidos que já têm interesse, conhecessem nossa música e sejam do underground, surgiu a Rising Records do também amigo Luciano Elias –, esse ‘shoggoth’ acompanha a banda desde o início e sempre esteve do nosso lado, assim como o amigo Everton”, declara.

“Lone Wolf Syndicate” conta com participações de Antonio de Melo (ex-Infected) nos arranjos, Armando “Beelzebuth” (Mystifier) numa narrativa, Susane “Hécate” (Miasthenia) em “Damned Messaiah” e Ivan Fábio Agliati (Silent Empire) e Sérgio “Ballof” (Headhunter D.C.) nos backing vocals.

O álbum que teve vocais e bateria captados pelos engenheiros Adriano Sabino e Flávio França no Black Hole Studios de Natal/RN, e baixo e guitarra gravados no estúdio da própria banda, é composto por doze faixas. Finalizada a pré-produção a banda que é formada por Luzdeth Lott (Vocal), Alexandre Emerson (Guitarra), Jorge Ferreira (Baixo) e Marcelo Costa (Bateria) encaminhará tudo para a execução definitiva do produtor Orland Bussolo Junior do Forest Studios de Criciúma/SC, que cuidará da mixagem e masterização.

Uma arte provisória foi disponibilizada pela banda, mas a Rising Records que lançará “Lone Wolf Syndicate” em formato ‘digipack’, afirma que uma capa oficial será assinada por Alcides Burn (Queiron, Headhunter D.C, Primordium e outros), o mesmo artista que projetou a primeira capa do grupo em 2004. O novo lançamento da Sanctifier deverá sair no primeiro semestre de 2018.

Mais informações:

Megaherz: divulgado o primeiro videoclipe do novo álbum

megaherz-to-release-komet-album-in-february-details-revealed-image.jpg

Os alemães do grupo de Metal Industrial Megaherz, depois de ter revelado os primeiros detalhes do novo álbum intitulado “Komet”, agora disponibiliza um videoclipe para a faixa “Vorhang auf”.

A banda fez o seguinte comentário sobre o novo vídeo:

“Vorhang auf” é uma música sobre nossas vidas, o palco, toda a energia que compartilhamos com o público. A dor, a intoxicação, a força. Um sentimento incrédulo que faz nos esquecer de todo o resto. Vamos dançar juntos e esperamos que nunca tenhamos que parar! “

O vídeo foi filmado em Londres, pela Video Ink sob o comando do produtor Adam Barker.

Assista o vídeo de “Vorhang auf”:

O álbum “Komet”, será lançado em  23 de fevereiro de 2018 via Napalm Records.

Mais informações:

 

 

 

Encéfalo: novo álbum será lançado pela Shinigami; ouça primeira música

encefalo_deathrone.jpg

Um dos nomes mais queridos do cenário underground nordestino, o cearense Encéfalo, orgulhosamente anuncia que seu novo álbum, “DeaThrone”, será lançado pela gravadora Shinigami Records.

Dona de um currículo com lançamentos no Brasil como Slayer, Accept, Belphegor, Exodus e inúmeros gigantes do metal internacional, a Shinigami tem como tradição sempre apoiar a cena brasileira lançando grandes nomes e revelações do cenário.

Em “DeaThrone” o grupo deixa um pouco do foco Thrash Metal praticado nos anteriores “Slave Of Pain” e “Die To Kill” e entra de vez no Death Metal, sem deixar de fora as características que deram sua fama: grandes riffs e cozinha matadora.

Tal maturidade sentida no disco é resultado de muito tem em cima do palco, seja em turnê pelo Brasil, pela Europa ou dividindo o palco com gigantes como Deicide, Belphegor, Sinister e grandes festivais.

O trabalho foi gravado no VTM Studio e no estúdio do produtor André Noronha, Noronha Home Studio, onde também foi mixado e masterizado. A capa foi criada pelo artista Ygor Nogueira. Uma data oficial de lançamento será anunciada em breve.

O primeiro single, “Blessed by The Worg Choice”, acaba de ser liberado no YouTube e Facebook, confira:

Contato: bandaencefalo@gmail.com

Links Relacionados:
www.facebook.com/encefaloband
www.metalmedia.com.br/encefalo

Pandemmy: destaque na revista Rock Meeting

Pandemmy

A banda de Death/Thrash Metal Pandemmy foi destaque na edição de número 98 da revista digital Rock Meeting, onde o guitarrista Pedro Valença concedeu uma entrevista.

Neste bate papo, conduzido por Aline Pavan, o músico falou sobre o lançamento físico de “Rise Of A New Strike”, recepção do público por esta nova fase e formação da banda, projetos futuros e muito mais. Confira alguns trechos:

Vamos começar falando de “Rise Of A New Strike”, seu novo álbum, que está prestes a ser lançado fisicamente. Como funcionou a parte de produção e gravação do mesmo? E por que lançar ele somente no formato digital e em âmbito físico somente um ano depois?

Pedro Valença – A pré-produção do “Rise Of A New Strike” foi feita no Demise Studios, que pertence ao nosso guitarrista Guilherme Silva. Gravamos as músicas em suas versões demo antes de ensaia-las, rearranjando e, posteriormente, gravando em definitivo. A gravação do álbum foi realizada tanto no Demise quanto no Supertramp Studios, onde também ocorreu a mixagem e masterização, a cargo do produtor Júnior Supertramp. O lançamento físico ocorre praticamente um ano após o lançamento nas plataformas digitais por questões de orçamento. Também, não queríamos segurar o material novo. Ficamos 3 anos sem lançar nenhuma música. Para uma banda underground foi um tempo grande sem lançar nada.

Quais foram as principais inspirações nesse disco?

Para as letras tudo que acontece com a sociedade serve de inspiração. Todo esse momento turbulento e retrógrado que vivenciamos serve de combustível. Bons livros e documentários também são ótimas inspirações para passar uma mensagem mais crítica e consciente. O Pandemmy é contrário a qualquer movimento ou ideologia conservadora, fascista e opressora. Para a parte musical procuramos não nos repetir, sempre evoluindo com naturalidade. Continuamos com os elementos do Death e Thrash Metal, e ao mesmo tempo preservamos a identidade sonora da banda.

Agora, com a talentosa Rayanna Torres nos vocais. Quando pretendem lançar um novo material com ela como vocalista? Uma vez que o atual trabalho foi gravado com o antigo cantor Vinicius Amorim, podemos esperar algum bônus na versão física de “Rise Of A New Strike”, com ela cantando?

Muitas pessoas perguntam se o lançamento físico será com Rayanna. Queremos manter a gravação original, feita com o Vinícius. Apesar de ele ter saído da banda, não faltou dedicação na produção do álbum, então queremos respeitar essa fase. Rayanna regravou alguns vocais recentemente e o resultado estará presente no segundo videoclipe oficial do Pandemmy, o primeiro referente ao álbum “Rise of a New Strike”. Em 2018 pretendemos lançar um single no primeiro semestre e um split no segundo semestre. Já temos músicas novas em fase de pré-produção.

Leia a entrevista completa acessando o link a seguir: https://issuu.com/rockmeeting/docs/rockmeeting98/98

Para acompanhar as edições anteriores: http://www.rockmeeting.net/edicoes

Em outras notícias, o Pandemmy divulgou recentemente seu primeiro material com a vocalista Rayanna Torres nos vocais, trata-se do videoclipe para a música “Circus Of Tyrannies”, extraída do atual álbum “Rise of a New Strike”. Assista:

https://www.youtube.com/watch?v=6ax2SWFv0aI

Contato para shows: contato@sanguefrioproducoes.com | pandemmy@gmail.com

Contato para assessoria de imprensa: www.sanguefrioproducoes.com/contato

Links relacionados:
https://www.facebook.com/pandemmyofficial/
http://pandemmy.blogspot.com.br/
https://www.sanguefrioproducoes.com/artistas/Pandemmy/44