Coletânea Roadie Metal: Vol.14 é oficialmente lançada em todas as plataformas digitais, acesse e escute

Roadie Metal Vol.14

Com imenso orgulho, honra e apoio incondicional ao Metal Nacional, está oficialmente lançada a nova coletânea da Roadie Metal.

Nesse momento sombrio e de isolamento, convido você a conferir em todas as plataformas digitais, 39 faixas de grandes bandas brasileiras e uma europeia.

O material foi elaborado em duas frentes, sendo o disco 01 com bandas de Metal Extremo que vão desde o Black Metal, Thrash Metal, Death Metal, Hardcore e linhas mais pesadas e o disco 02, apresentando as bandas com temáticas e ritmos mais clássico, ou seja, fãs de Heavy, Hard Rock, Progressive, Doom, Rock And Roll, Classic Rock e suas vertentes, irão desfrutar de grandes artistas.

Roadie Metal Vol.14 está disponível para usuários de Spotify, Deezer, ITunes, Google Play, Napster, Tidal, Amazon Music, YouTube e várias outras plataformas.

Confira:

 

Disco 01:
01 – Miasthenia – 13 Ahau Katún
02 – Plano D – Struggle
03 – Último Sopro – Contra o Tempo
04 – Feios Sujos e Malvados – Abissal
05 – Wild Hunt – Savage Rebel
06 – Distimia Felt – Natureza Humana
07 – Razor Project – Backstabber
08 – Drastyca – Lake of Blood
09 – Distimia Felt – Futuro Incerto
10 – Guttroll – Hate of the State
11 – Scraper Head – Dark Domain
12 – M67 – Paraíso dos Corruptos e Assassinos
13 – Arcana Mea – Worm
14 – Kaos Horror – Compaj Sitiado
15 – Distimia Felt – Sem Nomes
16 – Scumbag – Scumbag Revenge
17 – M67 – Conspiraçãophobia
18 – Revolta – Granada
19 – Skravus – Sombras
 
Disco 02:
01 – Angelique – The Seven Principles of Kybalion
02 – As The Palaces Burn – Arcanum
03 – Vocifer – Hummingbird
04 – Steewild – C’mon, Babe
05 – Nefeliband – Babilônia Rock
06 – Hollywood Suicide – My Way
07 – Dogma Blue – Disorder
08 – Mercic – Corrosion Invades
09 – Noive de Preto – Brinquedo Assassino
10 – Head Voice – The Speed of Light With Guns
11 – Anjos da Sombra – Falso Amigo
12 – Hexwyfe – Final Hour
13 – Sumerian Project – Humannaki
14 – Tommarock – Vozes Ocultas
15 – Nequician – Castelo de Areia
16 – Ultrasomcwb – Rock N’ Roll Favela
17 – Ritualist – Darkenss
18 – Backchain – Honor
19 – Templars – War
20 – Legacy of the Dead – Spaceship of Doom
 
Links relacionados:
Roadie Metal Assessoria: http://roadie-metal.com/press

Deep Purple: lançado o primeiro single do tão aguardado álbum de estúdio “Whoosh!”

Deep Purple

O Deep Purple, acaba de lançar o videoclipe da música “Throw my Bones”, que é o primeiro single do tão aguardado álbum de estúdio “Whoosh!”, o 21º da carreira, que será lançado em 12 de junho de 2020, pela earMUSIC.

O single é acompanhado por um videoclipe que ultrapassa os limites de tempo e lugar. É um convite para dar um passo atrás e ver a foto maior, um pedido de ação e um convite para observar o planeta e a situação atual na Terra.

Assista ao videoclipe de “Throw my Bones”:

O novo álbum de estúdio do Deep Purple “Whoosh!” segue seus álbuns no topo das paradas mundiais “inFinite” (2017) e “NOW What ?!” (2013). Pela terceira vez, o Deep Purple une forças com o produtor Bob Ezrin e, juntos criaram o álbum mais versátil em sua elaboração, “estendendo-se em todas as direções” sem qualquer limitação, deixando a criatividade ir embora. Ultrapassar os limites do tempo, expressando seu ressentimento sobre a situação atual do mundo e abordando várias gerações.

“Whoosh é uma palavra onomatopeia que, quando vista através de uma extremidade de um radiotelescópio, descreve a natureza transitória da humanidade na Terra; e, do outro lado, de uma perspectiva mais próxima, ilustra a carreira do Deep Purple. ” – ig

Track list:
01 – Throw My Bones
02 – Drop the Weapon
03 – We’re All the Same in the Dark
04 – Nothing at All
05 – No Need to Shout
06 – Step by Step
07 – What the What
08 – The Long Way Round
09 – The Power of the Moon
10 – Remission Possible
11 – Man Alive
12 – And the Address
13 – Dancing in My Sleep

Links relacionados:

 

Villagers of Ioannina City: com seu Rock pesado e experimental, grupo lança novo lyric vídeo “Father Sun”

city

“Feche os olhos e sincronize”

Vindos da região norte da Grécia, os olímpicos de Rock experimental, Villagers Of Ioannina City, abrem o buraco alucinatório para a mais nova oferta atmosférica cativante – “Father Sun”. A faixa é acompanhada por um vídeo lírico emocionante que acaba de ser lançado pela Napalm Records.

“Father Sun” representa fortemente a mensagem essencial da Villagers Of Ioannina City – para proteger e desfrutar da mãe terra, dos rios sagrados e do sol dourado. A simbiose artística de formas e luz sublinha o lyric vídeo e a marca sonora da banda é sem igual.

O Villagers Of Ioannina City, comentou sobre “Father Sun”:
“Por muito tempo, a mãe Terra envia mensagens de que estamos completamente na trilha errada. Vamos ver esses dias estranhos como uma oportunidade para reconsiderar e imaginar qual deve ser nosso estilo de vida e o que realmente importa. É vital se reconectar com a Terra e começar a pensar globalmente. Devemos definir como prioridade a prosperidade de todos os seres humanos com respeito e em perfeita harmonia com a natureza. É mais claro agora do que nunca que estamos verdadeiramente conectados e que as ações de uma pessoa afetam todos nós. rapidamente como um vírus ou algo ruim se espalha sem conhecer fronteiras ou nações, o amor, a bondade, as boas vibrações e a paz podem se espalhar entre nós.Lavar o medo, perceber e abraçar a nossa unidade com tudo, agir de acordo e isso será o começo da mudança que você está esperando.”

Abrindo com conjurando melodias de gaita de foles sonoramente ascendentes, que lentamente se transformam em fortes riffs de guitarra, um turbilhão sonoro fora do transe instrumental e Alex ecoando uma forte cor vocal o levará direto à sua mistura musical explosiva. A síntese protuberante de ritmos, elementos folclóricos e paisagens sonoras em chamas coalescem com a atmosfera vibrante, porém explosiva.

O Villagers Of Ioannina City, prova que o Rock Pesado Psicodélico é um dos gêneros mais versáteis dos tempos modernos e irradiam com sua mistura única de Rock Pós, Kraut e Stoner, temperado por uma dose palpável de elementos folclóricos. Um mantra psicodélico para a nova era!

Confira o lyric vídeo de “Father Sun”:

A região de Epiro é famosa por sua paisagem de montanhas gigantescas e rios sagrados – e agora Rock Pesado experimental. O Villagers Of Ioannina City é profundamente influenciado pela natureza grega e pelos fenômenos cósmicos e infundem sua marca única de Rock Psicodélico pesado com instrumentos folclóricos, como gaitas de foles, flautas e didgeridoos. Seu segundo álbum, “Age of Aquarius”, lançado originalmente em setembro de 2019 – agora será reeditado pela Napalm Records. Epiro pode se tornar o improvável epicentro do universo do Rock Pesado: um mantra para a nova era!

Fornecendo mais provas da cena do Rock grego em expansão, está o documentário musical deste ano, “Greek Rock Revolution”. Onde o Villagers Of Ioannina City e seis outras bandas discutem sua música e a inspiração eterna para o movimento musical grego – uma situação social instável que aumenta a expressão artística.

Villagers Of Ioannina City é formado por: 
Alex – Vocal/Guitarra
Akis – Baixo
Aris – Bateria
Kostantis – Clarinete/Sopro
Kostas – Gaita de Fole

Links relacionados:
Facebook: https://www.facebook.com/villagersofioanninacity/
Instagram: https://www.instagram.com/villagersofioanninacity/

Concrete Monkey: grupo assina com selo e anuncia data de lançamento de disco

Concrete Monkey

Power-trio irá distribuir material via Electric Funeral Records

A banda composta por Vinícius Rodrigues (bateria), Henrique Stella (baixo, vocal) e Felipe Falci, acaba de anunciar o lançamento de seu full album no fim do mês de março.

O álbum, que leva o nome do single “High in Blue”, lançado em setembro do ano passado, edifica um marco de passagem para uma fase mais profunda e psicodélica da banda, com levadas mais pesadas e técnicas, que buscam uma forte introspecção e questionamento do lifestyle contemporâneo. O álbum mergulha em diversos estilos e subgêneros, transitando pelos movimentos dos anos 90, mas permeando no Progressivo e lisérgico Rock dos anos 70.
 
Composto por 11 faixas, sendo 7 músicas e 4 transições/interlúdios, o trabalho foi captado, editado e mixado no Studio Papiris, em São Paulo, tendo sido produzido pela própria banda e pelo Engenheiro de Som Caio Monfort, que foi o responsável também por todo o trabalho técnico, a masterização no entanto, ficou por conta da Absolute Master, tida como referência em todo território nacional.
 
O novo material será lançado dia 27 de março em todas as plataformas de streaming via Electric Funeral Records.
 
Mais informações:
Phone: +55 21 996292220

 

Bailout: lançado o segundo álbum do grupo “Road to redemption”

boilout

O grupo finlandês Bailout, lançou seu segundo álbum “Road to Redemption” hoje 21 de fevereiro.

A banda existe desde 2010 e eles pensam que seu som está começando a estar onde deveria estar: Rock pesado, cativante, com uma pitada de Rock Progressivo, trompete e metal dos anos 90. Os vários estilos e gostos musicais da banda foram forjados com sucesso para uma expressão musical natural e única.

“Road to Redemption” é uma jornada colorida, como a faixa de abertura “Just a Ride” parece implicar. Ganância, desesperança, nostalgia, afundando nas profundezas da mente, virando a página – o que vem a seguir? O álbum é um marco importante para a banda em termos de expressão musical e composição de músicas. A partir de agora a banda sente que não há limites e tudo é possível. O álbum inicia um novo capítulo na história do Bailout.

A imagem pode conter: atividades ao ar livre, possível texto que diz "BALUUT ROAD TO REDEMPTION REDEMPTION"

Tracklist:
01 – Just a Ride
02 – Ozymandias
03 – Road to Redemption
04 – Desert of Ecstasy
05 – 1999
06 – A Crack in the Mirror
07 – Into the Light
08 – Accelerated Evolution
09 – Raison D’etre

 

Ouça o álbum “Road to Redemption” pelo streaming:
Spotify: https://spoti.fi/37KVuMT
Apple Music:https://apple.co/32fi3YO
Amazon: https://amzn.to/2ukv6vy
Deezer: https://www.deezer.com/us/album/129378942
Tidal: https://listen.tidal.com/album/129791398

Mais informações:

 

TTNG: britânicos pioneiros do Math Rock, estreiam no Brasil em 2020

TTNG_1

Entre o Rock Alternativo, Progressivo e o Emo, TTNG faz única apresentação em São Paulo, dia 16 de janeiro de 2020

A banda britânica de Math Rock TTNG, considerada uma das pioneiras do gênero que funde progressivo ao rock alternativo, estreia no Brasil com show único em São Paulo, dia 16 de janeiro de 2020, no Fabrique Club. A banda de abertura é o fenômeno do Post-Rock nacional, E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante. A realização é da Onstage Agência em companhia da MGB Entertainment.

Ao lado do American Football, o TTNG é pioneiro na fusão do Math Rock com Emo, que resulta em uma sonoridade repleta de melodias, focada em riffs virtuosos e andamentos envolventes de músicas, vide o que apresentam no cultuado disco de estreia, “Animals”.

Ouça pelo Spotify o cultuado álbum “Animals” do TTNG: 

 

O disco, lançado em 2008, é até hoje considerado emblemático no que diz respeito a math rock, e inclusive foi mote de una turnê requisitada comemorativa em 2010, além de ganhar uma versão acústica pela gravadora Sargent House.

Atualmente, o TTNG (que já atendeu pelo nome polêmico de This Town Need Guns) divulga o terceiro disco, “Disappointment Island”, o primeiro como um trio (Tim Collis na guitarra, seu irmão Chris Collis na bateria e Henry Tremain nos vocais e baixo). É um registro refinado e que mostra um Math Rock ainda mais autêntico e até mesmo flertando com estruturas do pop, mas sem nunca abrir mão da intensidade e da busca por sonoridades intrincadas do passado.

Altamente indicada para fãs de The World Is a Beautiful Place & I Am No Longer Afraid to Die, Battles e a saudosa Minus The Bear, TTNG conquistou mundo afora um público fiel e devoto, principalmente devido à ao instrumental e as linhas vocais expressivas. Nestes últimos anos, a banda britânica excursionou – com diversos shows sold outs – pela Austrália, Japão e Estados Unidos.

Não à toa a estreia do TTNG no Brasil é tão aguardada: um show que carrega uma experiência única, à frente de ótimos instrumentistas que evoluem a cada lançamento, donos de músicas que despertam emoções diversas, ainda mais sensitivas ao vivo.

cartaz TTNG

Serviço:
TTNG pela 1ª vez no Brasil – show único em São Paulo
Evento: https://www.facebook.com/events/423042898408311/
Data: 16 de janeiro de 2020
Horário: a partir das 18 horas
Local: Fabrique Club (rua Barra Funda, 1071, Barra Funda – São Paulo/SP)
Classificação etária: 18 anos
Ingresso: R$ 90 (Pista, meia entrada estudante, promocional – mediante doação de um quilo de alimento, 1º lote); R$ 180 (Pista, inteira, 1º lote)
Venda online: https://ticketbrasil.com.br/show/7380-ttng-saopaulo-sp/

The Trigger: grupo lança novo álbum “The Time of Miracles” junto com um novo lyric vídeo

1234

A banda de Heavy Metal, The Trigger, lançou seu novo álbum intitulado “The Time of Miracles” pela Massacre Records! Deste novo trabalho a banda já lançou dois videoclipes “Pray” e “What Have We Become”, além do lyric do single “Don´t Feed the Cannibals”, com a participação de Darko Živković da banda Downstroy.

Confira o lyric vídeo do single “Don´t Feed the Cannibals”:

“The Time of Miracles” oferece uma visão diferente de um som de metal moderno com seus vocais femininos únicos, guitarras pesadas e um toque de música progressiva e eletrônica.

Durante o tempo de duração de uma hora do álbum, a banda mantém o foco no trabalho de guitarra cativante, groove e melodias memoráveis, onde canaliza suas influências progressivas. O conceito, a letra e a obra de arte do álbum representam simbolicamente a rápida decadência e fraqueza da natureza humana, descrevendo sarcasticamente a era em que vivemos como “O Tempo dos Milagres”.

O The Trigger pode ser um novo nome para fãs de metal em todo o mundo, mas a banda tem sido muito ativa no cenário musical regional desde 2005. Eles lançaram três álbuns completos aclamados pela crítica em seu idioma e os apoiaram com um grande número shows ao vivo.

O grupo é elogiado por sua tenacidade e atitude intransigente, vocais poderosos únicos de Milena Brankovic e sua marcante presença de palco, bem como as composições do guitarrista Dusan Svilokos.

Suas influências musicais vão do Metal Clássico ao Rock Progressivo e Gótico dos anos 70, tocados e produzidos de forma moderna e metálica. Os críticos de música descreveram o som do The Trigger como um Rock excitante e inteligente, moldado em Heavy Metal.

“The Time of Miracles” é o primeiro lançamento internacional do grupo!

Ouça o álbum “The Time of Miracles” no streaming:
 
Links relacionados: