Sem Futuro: primeiro álbum “Nós Somos Os Sem Futuro” está disponível em todas as plataformas digitais

Sem Futuro

Mesmo tendo iniciado a carreira em 2007, foi somente em 2015 que o Sem Futuro lançou seu primeiro álbum de estúdio. O Disco “Nós Somos Os Sem Futuro” foi concebido de forma independente no estilo, “faça você mesmo”, o que viabilizou ao grupo uma gama de fãs ao redor do país e abertura para que a banda levasse seu trabalho para a Europa e tocasse ao lado de lendas do Punk/Hardcore mundial.

Contando com 13 faixas em português e autorais, o material expressa o espírito de rebeldia e inconformismo inerente aos jovens que vivem em meio à violência e ao caos dos grandes centros urbanos. Toda a temática do grupo é desenvolvida em forma de protesto e credenciam eles como um dos principais nomes do estilo no Brasil.

O material que foi lançado originalmente em versão físico, agora pode ser conferido em todas as plataformas digitais, o grupo disponibiliza aos seus fãs o álbum “Nós Somos os Sem Futuro” no Spotify, Deezer, ITunes, Google Play, Napster, Tidal, Music.Amazon, 7 Digital, Akazoo, Amazon e vários outros, confira baixo no Spotify e Deezer, ou, procure em sua plataforma favorita.

 
Formação:
Minhoca – (Vocal)
Felpas – (Guitarra)
Tiagonha – (Guitarra)
Evil Leire – (Baixo)
Lalau – (Bateria)
 
Mais informações:

DxLxM: grupo libera clipe “Chacina” com imagens reais e chocantes de assassinatos nos presídios brasileiros

DxLxM

Um dos maiores problemas sociais do Brasil, está na forma como é gerenciada as prisões e os detentos do país. Com um crônico problema de desigualdade social, esse desnível econômico, acaba por atingir grande maioria da população que com isso, acaba obtendo um alto número de infratores e presidiários. Onde a disponibilização de presídios que poderiam ser um local para recuperação do indivíduo, acaba por ser, um local de violência, condições sub-humanas, que acabam por gerar atrocidades e mortes violentas.

Todo esse retrato acima, é a ideia central da mais recente composição do grupo de Punk/HardcoreDxLxM do Rio Grande do Sul. Sua música “Chacina”, que logo será lançada em todas as plataformas de Streaming, apresenta uma severa crítica ao sistema e as condições desumanas que oferecem a sociedade como um todo, principalmente, ao trabalho de recuperação de um infrator. Com isso em mente, o grupo, libera o clipe da música mencionada acima, e em imagens que interpelam a banda em uma apresentação ao vivo, o grupo apresenta passagens reais de rebeliões e assassinatos em cadeias brasileiras.

As imagens são todas reais e possuem um apelo muito forte. Vários corpos, mutilações, assassinatos e violência, estão explicitas nas imagens. O DxLxM não tem a intenção de chocar, mas sim, de mostrar essa cruel e devastadora desigualdade gerada pela sociedade e quem comando o país. Caso você tenha estômago fraco, fica a sugestão de não assistir ao vídeo abaixo.

Formação:
Eduardo – (Vocal/Baixo)
Evandro – (Guitarra)
Xane – (Bateria)
 
Mais informações: