Siege of Hate: banda lança “Cerco de Ódio”, com letras em português

 

siege_of_hate_capa

Pela primeira vez em quase 20 anos de carreira, a banda cearense de Death/Grind Metal Siege of Hate, uma das mais tradicionais do estilo no Brasil, lança um disco com letras em português. É o “Cerco de Ódio”, sétimo registro da carreira que oficialmente saiu no último dia 6 de novembro. O CD, em formato digipack, saiu pela Vertigo Discos em parceria com a Electric Funeral Records e outros selos.

Além das novas músicas em português, o CD traz uma dura homenagem a um clássico do Death Metal nacional, “Believers of Hell”, do lendário Mutilator. Tem, ainda, 23 faixas bônus, incluindo seis inéditas, as faixas do EP Brave New Civil War (lançado apenas em vinil), músicas lançadas previamente em coletâneas e gravações ao vivo no Festival Catharsis, na Espanha, em 2013.

Cantar em português, conta a banda, foi a realização de um antigo projeto. “Algumas de nossas influências têm letras em português (RDP, Cólera etc.). Quando gravamos essas músicas em SP, que eram todas numa ‘vibe’ mais Grindcore, voltando às origens da banda, juntando com as letras que eu estava escrevendo, bem voltadas a temas do Brasil, achei o momento ideal para gravarmos em português”. O resultado é uma original mistura de Punk, Crust e Grindcore Old School.

Críticas a assuntos cotidianos pautam as letras escritas neste registro, com enfoque ao clima hostil impregnado na sociedade devido às eleições de outubro e um passado recente de embates políticos que dividiram o Brasil. “Isso não tinha como passar em branco. Assim, as letras desse álbum falam sobre o clima de ódio que vem crescendo na nossa sociedade (Era do Ódio, Feeding on Hatred), sobre a falta de ética e moral na população (Crise Real), a auto-destruição dos que lutavam pelo povo e se tornaram iguais aos seus inimigos, inspirada na Revolução dos Bichos, de George Orwell (Derrocada dos Porcos), políticas de desenvolvimento deturpadas e que prosperam a exploração dos mais pobres (Miséria Sustentável e Decadent Development), a impunidade representada pela tragédia de Mariana (Sufocados pela Lama) e o julgamento sem fim da corrupção no Brasil (Mafia on Trial)”.

“Cerco de Ódio” está à venda pelo site da Electric Funeral: www.electricfuneralrecords.com

SIEGE-OF-HATE-TOUR2013-LUCIANA-PIRES

A Banda – Formada em 1997, a banda Siege of Hate (S.O.H.) vem desde o lançamento da Demo “Return to Ashes” (1998) crescendo ano a ano na cena Underground nacional, com o posterior lançamento do primeiro CD, “Subversive by Nature” (2003), do Split-CD “Out of Progress” (2006) e participações em vários CDs-coletâneas da cena Punk/HC e Metal, além de muitos shows pelo Nordeste, Sul e Sudeste do país. Em 2004 “Subversive by Nature” foi lançado na Europa, Ásia e EUA, obtendo uma ótima resposta na mídia especializada mundial, firmando a banda como um dos maiores expoentes do estilo Grindcore no Brasil.

A consolidação do S.O.H. na cena internacional veio no 2º semestre de 2009, com o lançamento do segundo CD “Deathmocracy” no Brasil e Europa e a realização da primeira turnê europeia da banda, com 16 shows em 07 países (Portugal, Alemanha, Rep. Checa, Áustria, Eslovênia, Itália e França).

Atualmente formado por Bruno Gabai (vocais e guitarra), George Frizzo (baixo) e Eduardo Lino (bateria), a S.O.H. continua apresentando a realidade explícita em suas letras, junto à fórmula musical que lhe é característica, com um “Crossover” entre o mais extremo Grindcore, o Death Metal e o Hardcore “old school”, resultando em uma avalanche de energia sonora.

Contatos: siegeofhate@yahoo.com.br

Links relacionados:
Site Oficial: www.siegeofhate.com.br
Instagram: @siegeofhate

Rock’Up Festival: evento em Fortaleza reunirá nomes do Metal cearense e paraibano em julho

Rock_Up Festival - fly

Um dos bairros de Fortaleza onde há maior movimentação do underground com realização de eventos é o Conjunto Ceará, localizado no Oeste da cidade. Lá será realizado mais um grande evento que promete entrar de vez para o calendário metálico de Fortaleza, o “Rock’Up Festival”.

O festival chega em 2018 a sua terceira edição, a qual promete ser a maior desde que foi criado. Está escalada como headliner a banda paraibana de Thrash/Death Metal Flamenhell, que vem pela primeira vez a Fortaleza divulgar seu novo trabalho, o álbum Fire Away. Também estão escalados entre as principais atrações a banda de Death/Grind Siege Of Hate (S.O.H.), um dos nomes mais respeitados do país em seu estilo e que também divulga um novo trabalho, o EP Cerco de Ódio, e a veterana Asmodeus, que, fundada em 1984, retornou em 2015 e lançou recentemente seu debut, Parabellum.

As demais atrações ficam por conta da banda de Heavy Metal Heavy Smasher, que volta aos palcos depois de um período afastada por questões pessoais e com novas composições, o Thrash Metal do Viollen, uma das bandas de maior evidência de Fortaleza nos últimos anos, e a banda Violência Sonora, que vem representando a cidade de Pacajus com seu Thrash/Groove Metal.

A 3ª edição do Rock’Up Festival será realizado no dia 07 de julho no Centro Cultural Patativa do Assaré, localizado no polo de lazer do Conjunto Ceará. O fest terá início às 16:00 e a entrada custará somente R$5,00, com bebida, lanches e merchandising no local. O Rock’Up Festival é realizado pelo Eusébio Underground Productions e conta com o apoio da Roadie Metal e do programa Heavy Metal Online.

Serviço:
Rock’ Up Festival 2018

Bandas
: Flamenhell (Paraíba), Siege of Hate (S.O.H.), Asmodeus, Heavy Smasher, Viollen, Violência Sonora
Data: 07 de julho
Horário: 16:00
Local: Centro Cultural Patativa do Assaré. Polo de Lazer do Conjunto Ceará (próx. avenidas Alanis Maria e Min. Albuquerque Lima), Fortaleza/CE
Entrada: R$5,00
Apoio: Heavy Metal Online, Roadie Metal, A Voz do Rock, LP Legado Produções, Estúdio Meddle, Terror Face Productions, Agenda Rock.CE/Brasil e Backstage Rock Bar.
Link do eventohttps://www.facebook.com/events/128367541288712/

Mais informações: